"Amar Depois De Amar" estreia em Portugal pela TVI

Novela é adaptação da argentina "Amar Después De Amar".

Fique por dentro da história de "Ouro Verde"

Novela portuguesa foi vencedora do Emmy Internacional em 2018.

Juntos, el corazón no se equivoca - Primeiros Promocionais

Trama é uma Spin-off protagonizada pelo casal Aristemo, personagens da novela "Mi marido tiene más familia".

Aberturas de Novelas: María José (Televisa, 1995)

Novela foi exibida no Brasil, pela CNT em 1997.

"Bolivar, una luta admirable estreia na Plataforma Netflix.

Produção é considerada uma das mais caras da história da televisão colombiana.

Notícias

domingo, 31 de maio de 2015

Confira a Sinopse de "La Vecina"

Pôster da Telenovela "La Vecina"
Divulgação: Televisa

Sara (Esmeralda Pimentel) termina um longo noivado com Cheo (Javier Jattin) e é despedida do hotel onde trabalhava. Nesta situação, ela decide ir para San Gaspar alguns dias com seu tio Simón (Pierre Angelo), um engenheiro aeronáutico, dedicado à agricultura; e Bruno (Maurício Abularach), que se apaixona por Laura (Fernanda Vizzuet), a esposa de Pedro (Luis Gatica), o líder local dos saqueadores de gasolina.
Na CONATROL, o Diretor-Geral da empresa, o Eng. Uribe (Carlos Bracho) decide enviar o Eng. Antonio Andrade (Juan Diego Covarrubias) para San Gaspar, devido ao roubo excessivo de combustível na área. Antonio concorda em sair imediatamente, adiando seu casamento com Isabel (Natalia Guerrero), filha do milionário Guillermo Cisneros (Benny Ibarra). 
Em San Gaspar, o Padre Vicente (Alejandro Ibarra), tio de Sara, é o líder da equipe de futebol local "Los Alados"; cujo rival é Fidel (Arturo Carmona), o comandante do San Gaspar, líder do "Los Artilleros" Ambos disputam para ganhar a "La Jaibolera", o troféu máximo do torneio local. 
Ricardo (Alfredo Gatica) aproveita a ausência de Antonio na capital, para tomar seu lugar, tentar conquistar Isabel e, secretamente, aliar-se com Pedro para passar informações confidenciais da CONATROL. 
O destino une Sara e Antonio, primeiro como vizinhos e, em seguida, quando ela vem para pedir trabalho na CONATROL. Sara e Antonio se reúnem para um fim de semana em uma viagem inesperada, surgindo uma grande atração entre eles, apesar de suas personalidades muito diferentes. 

Fonte: Televisa.

sexta-feira, 29 de maio de 2015

Galeria do Artista - María Rubio


María Jesus Rubio Tejero ou simplesmente María Rubio, nasceu em 20 de setembro de 1934 em Tijuana, Baja California, no México. Filha única de Maria Tejero e Olayo Rubio, diplomata e empresário. Aos 4 anos de idade foi detectado nela, um problema cardíaco, um aumento prematuro do coração. Nestas condições, não pôde frequentar a escola até os 9 anos de idade. Aprendeu a ler e a escrever em casa. Frequentou escolas católicas, o que alimentou seu amor e a fé em Deus. Quando criança, sofreu as conseqüências da Guerra Civil Espanhola. Por ter acompanhado seus pais em uma viagem à Espanha, para visitar seus avós maternos, ficaram presos por 10 anos em San Sebastián. Aos 13 anos, ela voltou para o México com seus pais e começou seus estudos no Colégio Oxford. Mais tarde, estudou dança e atuação na Escuela de Artes Teatrales del Instituto Nacional de Bellas Artes. Estreou como atriz no Teatro Fantástico de Cachirulo. Ernesto Alonso lhe deu a primeira oportunidade de trabalhar no meio, na obra "El Portal de Belén", em 1956. Em seguida, ela trabalhou na televisão e no cinema. Se casou com o escritor, crítico e pesquisador mexicano Luis Reyes de la Maza, que lhe deu dois filhos, Claudio e Adriana. Eles foram casados ​​por 40 anos, mas o casamento terminou em divórcio. María Rubio encarnou a maior vilã da teledramaturgia mexicana. Como esquecer Catalina Creel em "Cuna de Lobos"? Uma atuação memorável. Seu trabalho mais recente na TV foi uma participação na novela "Una familia con suerte" no papel de Inés. O nome desta extraordinária atriz é escrito com letras de ouro na história do teatro, televisão e cinema mexicano. Confira sua trajetória na TV.

2011 - Una familia con suerte (Inés de la Borbolla y Ruiz)
2008 - Querida enemiga (Hortensia Armendáriz)
2007 - Amor sin maquillaje (Participação especial como artista María Rubio)
2006 - Las dos caras de Ana (Graciela Salgado)
2002 - ¡Vivan los niños! (Sra. Arredondo)
2001 - Salomé (Lucrecia de Montesinos)
1999 - Laberintos de pasión (Doña Ofelia Miranda)
1999 - Amor Gitano (Isolda)
1997 - Amada enemiga (Reinalda Proal)
1997 - No tengo madre (Mamá Sarita)
1994 - Imperio de Cristal (Livia Arizmendi de Lombardo)
1986 - Cuna de Lobos (Catalina Creel)
1985 - Abandonada (Carolina)
1984 - Tú eres mi destino (Úrsula)
1984 - Te amo (Consuelo)
1981 - El derecho de nacer (Clemencia del Junco)
1980 - Colorina (Ami)
1978 - Pasiones encendidas (Lidia)
1977 - Rina (Rafaela Miranda y Castro)
1976 - Mañana será otro día (Olivia)
1975 - El milagro de vivir (Eva)
1974 - Ana del aire (Nadia)
1973 - Entre brumas (Susan)
1972 - Me llaman Martina Sola (Emma Solorio)
1971 - Las máscaras (Ida Cruz)
1971 - Muchacha italiana viene a casarse (Elena de Castro)
1970 - La Constitución (María)
1969 - Lo que no fue 
1969 - Sin palabras (Sara)
1967 - Lágrimas amargas
1963 - Doña Macabra

quinta-feira, 28 de maio de 2015

Abertura de Novelas - Caminho das Índias (Globo - 2009)


O que esperar de uma produção sob o eixo Brasil-Índia? Em 2009 pudemos comprovar por meio da mente criativa de Glória Perez, uma história extremamente atraente. Conhecemos uma nova cultura, hábitos e costumes. O romance proibido de Maya (Juliana Paes) e Bahuan (Marcio Garcia) era o foco da novela. Raj (Rodrigo Lombardi), o prometido de Maya acabou roubando a cena e ganhando o coração da protagonista. A música da abertura é extremamente forte, os elementos gráficos são de encantar qualquer um, de uma beleza e riqueza ímpares. Tudo extremamente perfeito e coerente com a proposta apresentada. Esta vale muito a pena rever! Confira!

quarta-feira, 27 de maio de 2015

"Carrossel" ganha uma versão para as telonas


A novela "Carrossel" não pára de render frutos ao SBT. No mês de Julho, milhares de crianças irão aos Cinemas, para conferir as novas aventuras da turma da Escola Mundial nas telonas. Confira a sinopse: 
A turminha do Carrossel está de férias da Escola Mundial! E desta vez, a aventura acontece no acampamento Panapaná, do avô de Alicia. Juntos eles viverão dias incríveis, participando de uma gincana organizada pelo Senhor Campos, um velhinho muito simpático, que faz de tudo para que as crianças se divirtam ao máximo. Até a amarga diretora Olívia parece se divertir em meio à algazarra dos alunos.
É nesse clima de diversão que chega Gonzáles, funcionário de uma incorporadora, que tem a missão de comprar o terreno do acampamento para transformá-lo em uma fábrica poluidora. Mesmo que para isso ele precise sabotar e difamar o Panapaná para obrigar Campos a fechá-lo. A tarefa é aparentemente fácil, mas Gonzáles e seu fiel parceiro, Gonzalito, terão pela frente a turma esperta da Escola Mundial para atrapalhar os seus planos. Os meninos precisarão abandonar a rivalidade entre os times da gincana e se unir para tentar desmascarar os bandidos e salvar o acampamento. 
As gravações do filme ocorreram em um acampamento de 250 mil m² na zona sul de São Paulo. Além da distribuição pelo Brasil, o filme também será distribuído em parceria com a Televisa, para todos os países da América Latina. Confira o trailer de divulgação.

Amor de Barrio - Primeiros Promocionais

Pôster da novela "Amor de Barrio"
Divulgação: Televisa

A Televisa já está divulgando a próxima novela das 4. "Amor de Barrio" é a mais recente produção de Roberto Hernández, depois de alguns anos afastado da TV. No elenco, Renata Notni, Mane de la Parra, Alejandra García e Pedro Moreno darão vida aos protagonistas. A trama tem data de estréia programada para o próximo dia 08 de Junho às 4 e meia da tarde, assim que "Muchacha italiana viene a casarse" concluir suas transmissões. Confira abaixo os promocionais.

Primeiro Promocional

Segundo Promocional - "Esperanza"

Terceiro Promocional - "Maldad"

terça-feira, 26 de maio de 2015

Trilhas de Novelas - A Viagem (A Viagem)


"A Viagem" foi um grande sucesso da década de 90 em telenovelas. Produzida em 1994 pela Rede Globo e escrita por Ivani Ribeiro, abordava o tema da vida após a morte, de acordo com a doutrina espírita kardecista. No elenco, grandes nomes como Christiane Torloni, Antônio Fagundes, Lucinha Lins, Suzy Rêgo, Maurício Mattar, Guilherme Fontes, Miguel Falabella, Cláudio Cavalcanti, entre outros. A música escolhida como tema principal da trama é um dos hits de sucesso da carreira do grupo Roupa Nova. Relembre este grande momento da TV.

segunda-feira, 25 de maio de 2015

"Pérola Negra" é a próxima reprise do SBT


O SBT já decidiu qual novela será a substituta de "Maria Esperança". A escolhida foi "Pérola Negra", produzida pelo canal entre 1998 e 1999. Escrita por Henrique Zambelli e baseada na trama argentina "Perla Negra" de Enrique Torres, foi um grande sucesso em sua primeira exibição que tinha médias de audiência entre 16 e 19 pontos de audiência. Protagonizada por Patricia de Sabrit e Dalton Vigh contava a história de uma mulher misteriosa que abandona uma menina recém-nascida, fruto de um amor proibido, em uma conceituada escola exclusiva para moças.
Junto com o bebê, ela entrega para Miss Helen (Marta Mellinger), a mantenedora da instituição, um colar que contém 22 pérolas negras valiosas. Cada pérola do colar pagará um ano de vida da menina no internato até que ela complete 21 anos. Uma das pérolas deverá ser entregue à moça quando ela deixar a escola.
A criança é registrada como Pérola Marques (Patrícia de Sabrit) e cresce com a companhia da grande amiga Eva (Vanusa Splindler), uma menina que chegou ao internato aos 8 anos, depois da morte de seus pais, por imposição da avó, Rosália Pacheco Oliveira (Maximira Figueiredo). Eva é herdeira de uma fortuna que inclui uma indústria de cosméticos.
Anos mais tarde, Eva, agora uma bela jovem prestes a completar 20 anos, é seduzida por Tomás Álvares Toledo (Dalton Vigh) e fica grávida. O rapaz não sabe da gravidez, que é mantida em sigilo dentro do internato para evitar um escândalo. Quando o bebê nasce, é entregue por Miss Helen aos caseiros da escola em troca de um pagamento generoso. Ninguém fora da escola sabe quem é a verdadeira mãe do menino que acabara de nascer.
Amigas inseparáveis, Pérola e Eva prometem uma para a outra que cuidarão do menino assim que deixarem o internato, quando completarem 21 anos. Depois de alguns meses, Eva recebe a notícia da morte de seu avô Carlos Pacheco Oliveira (Rildo Gonçalves). Patriarca da família, ele, para se vingar de Rosália, que o traiu no passado, deixa tudo para a neta.
O SBT ainda não divulgou a data de estréia, mas tudo indica que a trama entrará no ar em Junho. Confira o primeiro promocional da trama que estão veiculando na programação do canal.

quinta-feira, 21 de maio de 2015

Aberturas de Novelas - La Usurpadora (Televisa - 1998)

Pôster da novela "La Usurpadora"
Divulgação: Televisa

"La Usurpadora" é um clássico quando se trata de novelas mexicanas. Quem não se lembra da história das gêmeas Paola e Paulina, interpretadas pela bela Gabriela Spanic? Produzida em 1998 pela Televisa, marcou a estreia da atriz na emissora mexicana. Vendida para mais de 120 países e dublada em 25 idiomas, a novela permanece na memória dos amantes do gênero e de tempos em tempos surge uma reprise, seja no Brasil ou no exterior. De uma maneira rápida, a abertura conta a saga de Paulina ao sair de Cancún e vir para a Cidade do México para viver na Mansão da Família Bracho. Com o tempo ela conquista todos ao seu redor enquanto Paola se diverte com os homens. O tempo passa e Paola retorna para tomar seu lugar. O tema de mesmo nome era interpretado pelo trio de cantoras chamado Pandora. Exibida pela sexta vez no SBT, a trama não perde seu encanto. Confira!

terça-feira, 19 de maio de 2015

Cúmplices de um Resgate - Promocional


O SBT começa a exibir em sua programação o primeiro teaser de "Cúmplices de um Resgate", sua nova novela. Ele não revela muita coisa, mas deixa uma pergunta no ar. O que você faria se encontrasse alguém igualzinho a você? A pergunta realizada gira em torno das gêmeas que serão interpretadas pela atriz Larissa Manoela, que será um dos grandes atrativos da novela. De fundo, ouvimos a tão conhecida música da novela original. Confira!

Trilhas de Novelas - Love By Grace (Laços de Família)


Em 2000, quando foi ao ar a novela "Laços de Familia" pela Rede Globo, Love By Grace foi uma das músicas mais tocadas naquele ano. A canção em questão era o tema de Camila (Carolina Dieckmann), uma garota que se apaixona pelo namorado de sua mãe Helena (Vera Ficher). Tempos depois, casada com Edu (Reynaldo Gianecchini) ela descobre que tem leucemia. Todas as noites acompanhamos a luta de Camila pela vida, embalados pela bela voz de Lara Fabian.

segunda-feira, 18 de maio de 2015

Verdades Secretas - Promocional


A Rede Globo começa a exibir as primeiras chamadas de sua nova novela. "Verdades Secretas" é escrita por Walcyr Carrasco e dirigida por Mauro Mendonça Filho. No elenco nomes como Camila Queiroz, Drica Moraes, Rodrigo Lombardi, Reynaldo Gianecchini, Grazi Massafera e Marieta Severo. A trama tem data de estréia prevista para o dia 8 de Junho, ocupando a faixa das 11 da noite. Confira o teaser.

sexta-feira, 15 de maio de 2015

Galeria do Artista - Tony Ramos


Antônio de Carvalho Barbosa nasceu em Arapongas, no interior do Paraná. Ele passou a juventude em Ourinhos (SP) e finalmente, veio parar na capital paulista, tudo por conta do trabalho da mãe, que era professora. O nome americanizado Tony era uma mania na época, e Ramos é o sobrenome que pegou emprestado de um parente. Fez teatro amador ao participar do Teatro Cultura Artística de São Paulo, onde encenou peças infantis e cursou Filosofia na Universidade de São Paulo.
Em 1964, fez sua estréia na televisão, atuando em esquetes do programa "Novos em Foco", na TV Tupi. A atração promovia testes visando o surgimento de novos atores e, após ser contratado pela emissora, participou do "TV de Vanguarda", "TV de Comédia" e do "Grande Teatro Tupi". Em 1965, atuou em sua primeira novela, "A Outra", ao lado de Juca de Oliveira e Vida Alves. Na extinta TV Tupi, ainda fez outras 15 tramas, entre elas "O Amor Tem Cara de Mulher" (1966), "Os Rebeldes" (1967), "As Bruxas" (1970), "Vitória Bonelli" (1972), "Os Inocentes" (1974). Enquanto atuava, encontrava tempo para estudar Filosofia na Universidade de São Paulo.
Em 1977, foi contratado pela Rede Globo, emissora da qual nunca mais saiu. Sua primeira novela no canal foi "Espelho Mágico" (1977) e, a partir daí, não parou mais. Sua carreira está repleta de grandes papéis, todos com muito destaque, tanto na TV, como no Teatro e no Cinema. Seu último trabalho na TV foi na novela “O Rebú”, exibida no ano passado.
Desde 1969 está casado com Lidiane Barbosa, com quem tem dois filhos: o médico Rodrigo e a advogada Andréia.
Tony Ramos é um dos atores mais respeitados da TV Brasileira. Confira sua trajetória na televisão.

2014 - O Rebú (Carlos Braga Vidigal)
2013 - A mulher do Prefeito (Reinaldo Rangel)
2012 - Guerra dos Sexos (Otávio de Alcântara Rodrigues e Silva)
2012 - Avenida Brasil (Genésio)
2011 - Chico Xavier (Orlando)
2010 - Passione (Antonio Mattoli)
2009 - Caminho das Índias (Opash Ananda)
2007 - Paraíso Tropical (Antenor Cavalcanti)
2005 - Belíssima (Níkos Petrákis)
2005 - Mad Maria (Percival Farquhar)
2004 - Cabocla (Coronel Boanerges de Sousa Pereira)
2003 - Mulheres Apaixonadas (Téo)
2002 - O Clone (Namorado de Maysa)
2001 - As Filhas da Mãe (Manolo Gutiérrez)
2000 - Laços de Família (Miguel Soriano)
1998 - Torre de Babel (José Clementino da Silva)
1996 - Anjo de Mim (Floriano Ferraz)
1995 - A Próxima Vítima (Juca Mestieri)
1993 - Olho no Olho (Padre Guido)
1993 - O Mapa da Mina (participação especial)
1991 - Felicidade (Álvaro Peixoto)
1991 - O Sorriso do Lagarto (João Pedroso)
1990 - Rainha da Sucata (Edu)
1990 - Boca do Lixo (Ator Tony Ramos)
1988 - Bebê a Bordo (Tonico Ladeira)
1988 - O Primo Basílio (Jorge Carvalho)
1986 - Selva de Pedra (Cristiano Vilhena)
1985 - Grande Sertão: Veredas (Riobaldo)
1984 - Livre para Voar (Pardal)
1983 - Champagne (Nil)
1982 - Sol de Verão (Abel)
1982 - Elas por Elas (René)
1981 - Baila Comigo (João Victor Gama/Quinzinho)
1980 - Chega Mais (Tom)
1979 - Pai Herói (André Cajarana)
1977 - O Astro (Márcio Hayala)
1977 - Espelho Mágico (Paulo Morel/Cristiano)
1976 - O Julgamento (Lico)
1975 - A Viagem (Téo)
1974 - Os Inocentes (Marcelo)
1974 - Ídolo de Pano (Luciano)
1973 - Rosa dos Ventos (Quico)
1972 - Vitória Bonelli (Tiago Bonelli)
1972 - Na Idade do Lobo
1971 - Hospital (Luís Carlos)
1970 - As Bruxas (Tito)
1970 - Simplesmente Maria (Toninho)
1969 - Nino, o Italianinho (Rubinho)
1968 - Antônio Maria (Gustavo)
1968 - Os Amores de Bob (Bob)
1967 - Os Rebeldes (Frank Sobrinho)
1966 - O Amor Tem Cara de Mulher
1965 - A Outra (Vevé)

quinta-feira, 14 de maio de 2015

Nova novela da Televisa terá web novela dentro da história


"Antes Muerta que Lichita" terá muitas novidades. Além de ser uma história original e marcar o retorno de Maite Perroni às telenovelas, a trama terá uma webnovela que será assistida pela protagonista e que poderemos acompanhar pela internet. A produção tem o nome de "Corazón Enamorado" e fará alusão a vários melodramas já conhecidos do público com todos os clichês incansavelmente usados em novelas. O tom é de comédia e seguramente será muito divertida. Veja este pequeno trecho veiculado na internet. Nele podemos ver também o novo visual de Maite. Confira! 

quarta-feira, 13 de maio de 2015

"Entre Canibales" é a nova novela da Telefe



A Emissora Argentina Telefe apresenta sua nova novela. Em co-produção com a Produtora 100 Bares e a Emissora Uruguaia Monte Carlo Televisión, "Entre Canibales" é uma história de amor e vingança centrada em Ariana (Natalia Oreiro), uma mulher que aos 17 anos foi brutalmente estuprada por quatro homens e 20 anos mais tarde, ela volta para a vingança. Ao longo do caminho, Ariana descobrirá que uma das pessoas que arrebatou sua inocência é um político que está concorrendo à presidência. Para conseguir seu objetivo, Ariana terá a colaboração de um homem, com quem terá uma história de amor. A novela é escrita por Juan José Campanella, Gustavo Belatti y Emanuel Diez e promete muito drama, polêmica, suspense e uma fotografia cinematográfica. A produção estréia no dia 20 de Maio às 11 da noite, na Telefe. Confira o Trailer.

terça-feira, 12 de maio de 2015

Trilhas de Novelas - Maria la del Barrio (Maria do Bairro)


"Maria la del Barrio" é considerada um dos fenômenos televisivos mundiais. A novela foi produzida em 1995 pela Televisa e conquistou o mundo. Até hoje, a produção mexicana é reprisada incansavelmente. Foi um dos papéis que consagrou Thalia. A música tema cantada por ela, é muito lembrada por seus fãs. Reviva esta canção neste vídeo, em uma apresentação da cantora na cidade de Nova York, em 2012. A platéia foi ao delírio. Sensacional!

segunda-feira, 11 de maio de 2015

"I Love Paraisópolis" estreia nesta segunda


Tem novidade no ar a partir de hoje na Rede Globo. A partir das 19h. estréia "I Love Paraisópolis", uma novela escrita por Alcydes Nogueira e Mário Teixeira, com direção de Carlos Araújo e núcleo de Wolf Maya. A trama conta a história de Mari (Bruna Marquezine) e Danda (Tatá Werneck), irmãs de criação e moradoras da comunidade de Paraisópolis, que sonham com uma vida melhor. Eva (Soraya Ravenle) e Jurandir (Alexandre Borges), pais biológicos de Danda, adotaram Mari depois que sua mãe, grande amiga de Eva, morreu durante o parto. Mari e Danda cresceram juntas e além da relação como irmãs, desenvolveram uma grande amizade.
Mari dedica-se aos estudos e trabalho com o sonho de dar uma casa própria a sua mãe adotiva. Danda, muito atraente e vaidosa, tem objetivos mais modestos, trabalhando apenas para sustentar sua vaidade, porém muito dedicada à irmã, sua melhor amiga.
A poucos metros da comunidade, está o luxuoso bairro do Morumbi, separados apenas por uma rua, onde mora o arquiteto Benjamin (Maurício Destri). Este tem um projeto particular, reurbanizar Paraisópolis, projeto bastante criticado por sua mãe Soraya (Letícia Spiller) e seu padrasto Gabo (Henri Castelli). Soraya reprova a convivência do filho com os moradores da comunidade. O casal tem participação majoritária na construtora Pilartex e vê a área de Paraisópolis como uma oportunidade de negócios, com especulação imobiliária. A trama toma um rumo inesperado depois que Benjamin, noivo de Margot (Maria Casadevall), conhece Mari e se apaixona por ela. A emissora já disponibilizou o trailer da novela na internet. Confira!

domingo, 10 de maio de 2015

Especial: As Mães mais marcantes da TV Mexicana


María (La Madrastra)

María (Victoria Ruffo) é condenada por um crime que não cometeu. Esteban (César Évora) então separa-se legalmente de María e pede aos amigos que nunca contem a verdadeira história a seus filhos. Todos então fazem um juramento, Esteban inventa uma mentira aos filhos, dizendo que a mãe deles morreu em um acidente de carro e faz um grandioso retrato de uma mulher desconhecida que faz os filhos acreditarem ser a sua mãe. Vinte anos depois ela volta à Mansão dos San Román disposta a fazer justiça e recuperar o amor de seus filhos.



Luciana Duval (El Privilegio de Amar)

Cristina (Adela Noriega) é fruto de um amor proibido. Luciana Duval (Helena Rojo) carrega uma grande culpa. Por ter ficado grávida do seminarista João da Cruz (César Évora) e não ter o apoio de sua família, ela se viu obrigada a entregar sua filha em um orfanato por não ter condições de criá-la.
Anos mais tarde, Luciana se torna uma estilista de sucesso e não mede esforços para reencontrar a filha perdida.



Refugio (Corona de Lágrimas)

Quando Refugio (Victoria Ruffo) e seus três filhos Patricio (Alejandro Nones), Edmundo (José María Torre) e Ignacio (Mane de la Parra), são jogados para fora de casa, o destino os trariam à Cidade do México, onde eles começam uma nova vida. Dezoito anos mais tarde, eles conseguem se estabelecer em um pequeno apartamento na área popular. Ela tem um trabalho modesto. Apesar de ter graves problemas de visão, não cuida de saúde para atender as necessidades de seus filhos. Patricio estudou Direito e sonha com um futuro confortável e próspero. Edmundo estuda Medicina, um estudante brilhante, mas indisciplinado. Ignacio só terminou o ensino médio, porque ele trabalha em uma oficina mecânica, ajudando sua mãe a pagar as despesas da casa e estudos de seus irmãos. O destino traz muita tristeza e sofrimento para Refugio, que vê seus filhos em más situações enquanto sua saúde se agrava.



María Hernández de la Vega (María la del Barrio)

Após se casar com Luiz Fernando (Fernando Colunga), María (Thalía) não consegue uma vida totalmente feliz. O ciúme e o alcoolismo de seu marido se torna insuportável e ele passa a desconfiar que María e seu irmão Vladimir (Héctor Soberón) são amantes. Apesar da relação conturbada, ela fica grávida e Luiz Fernando reage mal, alegando que este filho não é dele. María não aguenta as atitudes de Luiz Fernando e enlouquece. Ao dar a luz, María entrega seu filho para Agripina (Carmen Salinas). Ao recobrar seu juízo, ela não se recorda para quem deu seu bebê. María passa vários anos em busca do menino perdido.



Refugio (Teresa)

Refugio (Silvia Mariscal) sofreu com a perda de sua filha caçula. Sua filha mais velha, Teresa (Angelique Boyer) é uma jovem que se envergonha de sua condição social. Para sair da vida miserável que levava, Teresa usa sua beleza para entrar no mundo luxuoso que tanto deseja pertencer. Sua ambição a cega. Ela renega sua família, chegando inclusive a dizer que seus pais tinham morrido. Ao passar por várias reviravoltas, Teresa resolve procurar sua mãe, que dá a ela uma lição de vida memorável. Refugio dá as costas para sua filha pois nunca soube valorizar a família que tinha. Só perdoaria seu erro se o arrependimento de Teresa fosse verdadeiro e isso deveria ser mostrado com atitudes e não com palavras.



Fernanda Lavalle (Salomé)

Na década de 80, Salomé (Edith González) era uma dançarina de Cabaré. Ela se apaixona platonicamente por Julio Montesinos (Guy Ecker). O professor mantinha um casamento com Ángela (Mónika Sánchez), uma mulher doente, estéril e que levava uma vida difícil por conta de sua sogra Lucrécia (María Rubio) que tinha como maior desejo um neto para herdar toda a fortuna da família. Em uma noite, Salomé e Julio fazem amor. Semanas depois, ela descobre que está grávida. Lucrécia propõe a Salomé que entregue seu filho. Incapaz de pedir para Julio que se separe de sua esposa e de entregar seu filho, Salomé foge com a ajuda de Manola (Patricia Reyes Spíndola) e Hipólito (Jaime Garza), um homem que foi abandonado pela esposa com dois filhos recém-nascidos. Salomé propõe a Hipólito que os deixe com ela para proteger seu filho verdadeiro. Ao aceitar a proposta da jovem, ela registra os bebês como trigêmeos. Vinte anos depois, com uma nova identidade, Salomé torna-se Fernanda Lavalle, uma mulher bem-sucedida nos negócios, mãe dos jovens José Miguel (Ernesto D'Alessio), José Julián (Rafael Amaya) e José Armando (José María Torre). O destino se encarrega de colocar frente a frente Julio Montesinos, Fernanda e Lucrécia. A verdade vem á tona para que Fernanda revele quem é o verdadeiro filho de Julio.



Refugio (Rubí)

Desde a morte de seu marido, Dona Refugio (Ana Martín) cria sozinha suas filhas Cristina (Paty Díaz) e Rubí (Barbara Mori). Vivem em uma vila humilde. De família pobre, Rubí não cansa de reclamar pela situação econômica de sua família desde a perda do pai. Cristina passa a ser o arrimo da família. Por isso, a jovem se torna obcecada com o dinheiro. Sabendo que é bela, decide usar sua beleza física como arma para atrair um homem jovem, bonito e rico, que faça dela uma mulher poderosa e de prestígio. Ao saber que sua filha causou mal a tantas pessoas, Refugio tenta fazer com que Rubí corrija seus erros, mas é tarde demais. Refugio morre, deixando Rubí com sentimento de culpa.




Paulina Martínez (La Usurpadora)

Disfarçada de Paola, Paulina (Gabriela Spanic) faz uma grande transformação na Casa da Família Bracho. Cura o alcoolismo da Vovó Piedade (Libertad Lamarque), salva a Fábrica Bracho da ruína, reaproxima Stephanie (Chantal Andere) e Willy (Juan Pablo Gamboa) e acima de tudo, conquista o carinho de Carlinhos (Sergio Miguel) e Lisette (María Solares), os filhos de Carlos Daniel (Fernando Colunga).



Julieta Padilla Solís (La Fea más bella)

Dona Julieta é uma mãezona. Sempre faz de tudo para que sua filha Leticia (Angelica Valle) se supere. Ao lado de Erasmo (José José), pai de Lety, ajudou a filha a estudar Economia, com pós-graduação em Finanças e formou-se com honras. Zelosa e muito coruja, para ela Leticia jamais foi feia, pois reconhece nela qualidades muito além da aparência física.

Especial: As Mães mais marcantes da TV Brasileira


Dona Armênia (Rainha da Sucata / Deus nos Acuda)

Quem não se lembra da Dona Armênia (Aracy Balabanian)? Com seu jeito engraçado e exagerado, tinha uma sotaque inconfundível. Da mistura do armênio com o português, saíram expressões como "na chon", quando queria explodir o prédio do escritório de Maria do Carmo (Regina Duarte). Protetora e controladora, vigiava "suas filhinhas" Gino (Jandir Ferrari), Geraldo (Marcello Novaes) e Gerson (Gerson Brener).



Mamuska (Da Cor do Pecado)

Seu nome era Edilásia (Rosi Campos), mas todos a conheciam como Mamuska. A matriarca da família Sardinha, cuidava muito bem de seus filhos Dionísio (Pedro Neschiling), Apolo (Reynaldo Gianechini), Thor (Cauã Reumond), Abelardo (Caio Blat) e Ulisses (Leonardo Brício). Ela os alimentava com uma sopa mágica que fazia com que eles ganhassem uma força imediata. Seu maior desejo era torná-los grandes lutadores. No entanto, o sensível Abelardo tinha aptidão para a moda.



Raquel Accioli (Vale Tudo)

Raquel (Regina Duarte) era uma mulher lutadora e de princípios. Graças ao seu esforço, conseguiu montar seu restaurante. Sua filha Maria de Fátima (Glória Pires) sempre teve horror à pobreza e queria subir na vida a qualquer preço. Os atritos entre as duas eram grandes, pois Raquel não concordava com a conduta de sua filha.



Helena (Por Amor)

Amar é também sacrifício. Helena (Regina Duarte) e Maria Eduarda (Gabriela Duarte) ficaram grávidas ao mesmo tempo. Quando soube que sua filha perdeu o bebê, Helena trocou as crianças para que ela não sofresse e guardou este segredo por muitos anos.



Griselda (Fina Estampa)

Há mães que fazem o papel de mãe e pai ao mesmo tempo. Este foi o caso de Griselda (Lília Cabral). Conhecida como Pereirão, ganhava a vida fazendo serviços gerais de consertos e construção. Não tinha medo do trabalho. Batalhava todos os dias para cuidar bem dos seus filhos Quinzé (Malvino Salvador) Maria Amália (Sophie Charlotte) e Antenor (Caio Castro).



Maria do Carmo (Senhora do Destino)

Perto ou longe o amor de mãe é sempre verdadeiro. Quando teve sua filha sequestrada, Maria do Carmo (Suzana Vieira) não descansou até reencontrá-la. Isabel (Carolina Dieckmann) era a suposta filha de Nazaré (Renata Sorrah) e desconhecia seu passado. Quando a verdade vem à tona, a vida da garota vira de ponta cabeça.



Helena (Laços de Família)

Helena (Vera Fischer) abre mão de seu namorado 20 anos mais novo ao saber que sua filha Camila (Carolina Dieckmann) se apaixonou por ele. Os jovens se casam e, tempos depois, Camila descobre que tem leucemia e sua única chance de sobrevivência é um transplante de medula. O destino coloca Helena contra a parede. Para salvar sua vida, ela se vê obrigada a revelar para Camila quem é o seu verdadeiro pai.



Dona Lola (Éramos Seis)

Dona Lola (Irene Ravache) teve uma vida sofrida. Lutou muito para criar os filhos, teve que ser forte para lidar com a morte do marido (Othon Bastos) e a morte de Carlos (Jandir Ferrari), o filho mais velho, vítima na Revolução de 1932. Também teve problemas com Alfredo (Tarcísio Filho), que se envolvia com movimentos políticos e badernas. Sua filha Isabel (Luciana Braga) se casou ainda jovem com um homem bem mais velho e casado. O casamento de Julinho (Leonardo Brício) com uma moça da sociedade culmina em sua ida para um asilo.



Melissa Cadore (Caminho das Índias)

Melissa (Christiane Torloni) é uma mulher que se preocupa com a beleza e a juventude. Tem horror à velhice e é extremamente vaidosa. Não se dá com a filha e deixa claro que prefere Tarso (Bruno Gagliasso), dono de um rosto perfeito como o dela. Ele sofre de esquizofrenia e isso fez com que Melissa se transformasse e visse a vida com menos superficialidade.

sábado, 9 de maio de 2015

Lucero protagonizará novela na Telemundo


A atriz e cantora Lucero, conhecida no Brasil pelas novelas "Chispita" e mais recentemente, "Por Ela Sou Eva" será protagonista de uma novela da Telemundo. Depois de comandar um programa sem muito sucesso na emissora americana, ela voltará à TV neste novo projeto. Com o título tentativo de "La Indomable", interpretará uma mulher forte que lutará contra as injustiças, das quais será vítima. Não há elenco fechado e nem previsão de estréia. Também não há informações se a história será uma obra original ou remake de alguma trama já produzida.
Esta será a primeira novela que Lucero realizará fora da Televisa em 35 anos de carreira.

sexta-feira, 8 de maio de 2015

Galeria do Artista - Helena Rojo


María Elena Enriques Ruiz, ou simplesmente Helena Rojo, nasceu em 18 de agosto de 1944 na Cidade do México. Estudou atuação com grandes diretores de teatro como Carlos Ancira e José Luiz Ibañez. No início de sua carreira, conciliava seu trabalho de atriz com o de modelo. Helena construiu uma importante trajetória no cinema mexicano trabalhando com os cineastas mais importantes das décadas de 70 e 80 como Felipe Cazals, Arturo Ripstein, Rafael Corkidi, Alberto Bojórquez, Marcela Fernández Violante e Jorge Fons. 
No teatro, participou de obras como "Cena de matrimonios", "Me enamoré de una bruja", "Pecado en la isla de las cabras", "La ronda de las arpías", entre outras.
Dentre tantos trabalhos, foi na TV que Helena ficou ainda mais conhecida. Como curiosidade, a atriz interpretou a primeira versão de "Marimar" no México. Em 1977, ela foi a protagonista de "La Venganza". Seu último trabalho na TV foi na telenovela "El color de la pasión", em 2014. 
Helena Rojo é uma das atrizes mais importantes da TV Mexicana. Sua carreira está repleta grandes sucessos e premiações. Confira sua trajetória na TV.

2014 - El color de la pasión (Milagros Fuentes)
2012 - Por ella soy Eva (Eugenia Mistral)
2009 - Corazón Salvaje (Leonarda Montes de Oca)
2008 - Cuidado con el ángel (Cecilia de Velarde)
2007 - Amor sin maquillaje (Inés Rivera)
2007 - Yo amo a Juan Querendón (Carlota)
2006 - Mundo de Fieras (Miriam de Rivas del Castillo)
2006 - Ugly Betty (atriz da telenovela Vidas de Fuego)
2005 - Peregrina (Sabina)
2004 - Inocente de ti (Raquel/Rebeca Linares-Robles)
2003 - Amor Real (Augusta Curiel de Peñalver y Beristain)
2000 - Ramona (Ramona Gonzaga)
2000 - Abrázame muy fuerte (Damiana / Juliana Guillen)
1998 - El privilegio de amar (Luciana Duval)
1997 - Gente Bien (Rebecca Balmori de Dumas)
1995 - Retrato de familia (Cecilia Mariscal)
1993 - Las secretas intenciones (Antonieta Alcántara)
1984 - La traición (Antonia Guerra)
1981 - Extraños caminos del amor (Isabela)
1978 - La hora del silencio (Bárbara)
1977 - La venganza (María Olivares/Alejandra Balmaseda)
1976 - Mañana será otro día (Paola)
1974 - Extraño en su pueblo (Isaura)

quinta-feira, 7 de maio de 2015

Aberturas de Novelas - Dance Dance Dance (Band - 2007)


A Band não tem grande tradição em Telenovelas. Entretanto, sempre que produz algo do gênero, chama atenção. Em 2007, a emissora paulista produziu "Dance Dance Dance", uma novela que se respirava a arte de dançar. Foi a primeira produção brasileira totalmente em HD. Sua abertura é bastante original. Em um palco podemos apreciar diversas técnicas de dança como ballet clássico, jazz, tango e hip hop. As coreografias são muito bem coordenadas com a contagiante música cantada por Juliana Baroni, protagonista da trama. Relembre este grande momento da TV.

terça-feira, 5 de maio de 2015

Trilhas de Novelas - Beedi (Caminho das Índias)


Quem nunca sentiu vontade de pular do sofá e sair dançando quando ouvia esta música, que atire a primeira pedra. Todas as noites, a abertura de "Caminho das Índias" era um show à parte. Além dos efeitos visuais impecáveis, esta canção tinha o poder de levantar o astral de qualquer um. A escolha de Beedi para a abertura não foi necessariamente pelo significado da letra, mas sim pela sua sonoridade. Veja o número musical retirado do filme "Omkara", produzido em 2006 para o Cinema Indiano e que serviu para compor a trilha sonora da novela.

segunda-feira, 4 de maio de 2015

Caminos de Guanajuato - Primeiro Promocional


A partir do dia 11 de Maio, a TV Azteca apresenta sua nova novela. "Caminos de Guanajuato" será uma história de amor, suspense e intrigas. A produção de vinho no México, desde o cultivo das uvas, a colheita, fermentação e negócio forma o cenário desta história. Iliana Fox, Erik Hayser, Dolores Heredia, Álvaro Guerrero, Alejandra Lazcano, Alberto Guerra, Fabián Corres, Vanessa Acosta e Sylvia Sáenz são alguns dos nomes que formam o elenco da nova produção do espanhol Javier Pons para a televisão. A trama conta também com gravações realizadas em Mendoza, na Argentina. A novela é uma adaptação da série espanhola "Gran Reserva" produzida em 2010. Confira o promocional da trama que ocupará a faixa das 21 horas, assim que "Rastros de Mentiras" concluir suas transmissões.

sexta-feira, 1 de maio de 2015

Galeria do Artista - Alejandro Camacho


Alejandro Camacho Pastrana nasceu em 11 de Julho de 1954 na Cidade do México. Inicialmente estudou Filosofia, mas foram os palcos que chamaram sua atenção.
Em 1977 atuou na obra "Las Criadas", dirigida por Salvador Garcini. Graças a esse trabalho, ganhou uma bolsa para estudar atuação em Nova York. Sua estréia na TV foi na telenovela "Soledad" em 1981. Pouco a pouco, Alejandro foi conquistando seu espaço e ganhou papéis em novelas importantes como "El ángel caído", "Cuna de Lobos", "El extraño retorno de Diana Salazar" e "Imperio de Cristal". Camacho também assinou a novela "Huracán" como Produtor Executivo. Casou-se com a atriz Rebecca Jones, com quem dividiu créditos em vários trabalhos. Seu último trabalho na TV foi na novela "Yo no creo en los hombres" no papel de Claudio Bustamante.
Alejandro Camacho é considerado um dos grandes atores mas versáteis e respeitados da TV Mexicana. Independentemente da faceta nobre ou de vilão, se destaca em cada trabalho em que realiza. Veja sua trajetória na TV.

2014 - Yo no creo em los hombres (Claudio Bustamante)
2012 - Abismo de Pasión (Augusto Castañón)
2010 - Para volver a amar (Braulio Longoria)
2008 - Alma de Hierro (José Antonio Hierro Ramírez)
2003 - El alma herida (Salvador Granados)
2003 - Bajo la misma piel (Bruno Murillo Valdez)
1999 - Tres mujeres (Salvador Ortega)
1999 - Amor Gitano (Rodolfo Farnesio)
1997 - Mi pequeña traviesa (Dr. Raúl)
1996 - La sombra del otro (Iván Lavarta)
1994 - Imperio de cristal (Augusto Lombardo)
1992 - La sonrisa del diablo (Homem misterioso)
1991 - Muchachitas (Federico Cantú)
1988 - El extraño retorno de Diana Salazar (Dr. Omar Santelmo)
1987 - Cuna de lobos (Alejandro Larios Creel)
1985 - El àngel caído (Roberto Florescano)
1985 - Angélica (Guillermo)
1984 - La traición (Absalon)
1983 - Cuando los hijos se van (Ignacio)
1982 - Vanessa (Juan Reyes)
1981 - Juegos del destino (Álvaro)
1981 - Soledad

Trabalho como Produtor Executivo

1997 - Huracán