"Amar Depois De Amar" estreia em Portugal pela TVI

Novela é adaptação da argentina "Amar Después De Amar".

Fique por dentro da história de "Ouro Verde"

Novela portuguesa foi vencedora do Emmy Internacional em 2018.

Juntos, el corazón no se equivoca - Primeiros Promocionais

Trama é uma Spin-off protagonizada pelo casal Aristemo, personagens da novela "Mi marido tiene más familia".

Aberturas de Novelas: María José (Televisa, 1995)

Novela foi exibida no Brasil, pela CNT em 1997.

"Bolivar, una luta admirable estreia na Plataforma Netflix.

Produção é considerada uma das mais caras da história da televisão colombiana.

Notícias

segunda-feira, 15 de julho de 2019

Fique por dentro da história de "Ouro Verde"

Banner da novela "Ouro Verde"
Foto: Divulgação / Band

A história de "Ouro Verde" gira em torno do jovem Zé Maria Magalhães (Diogo Morgado) que busca por vingança após ter sua família assassinada por Miguel Ferreira da Fonseca (Luís Esparteiro). Ao mesmo tempo, ele se apaixona por Bia (Joana de Verona), filha do seu maior inimigo, e fica diante de um dilema, afinal atingindo Miguel ele também estaria atingindo o amor de sua vida.
Zé Maria foi o único sobrevivente da chacina que culminou na morte de sua família. Ele fica seis meses em coma e ao despertar não se lembra muito bem o que aconteceu. Algum tempo depois ele retorna a consciência, resolve fugir para o Brasil para não ser morto e muda sua identidade para Jorge Monforte.
Ao chegar em solo brasileiro, ele conhece Januário Cavalcantti (Gracindo Júnior), dono de várias terras na região da Amazônia. O jovem consegue a confiança do coronel e acaba herdando toda sua fortuna, se tornando um empresário, dono do império Ouro Verde, um dos líderes mundiais no mercado agropecuário.
Com sede de vingança, ele retorna para Portugal a fim de acertar as contas do passado. Porém, Zé é chamado às pressas para retornar a uma de suas fazendas onde acontece um forte um protesto de ambientalistas. No local, ele acabará se deparando com Bia, que não via há 15 anos. O amor dos dois reacende, mas como vai ele resolver o fato de ela ser filha do homem que está prestes a destruir?
"Ouro Verde" estreia hoje, dia 15 de Julho, às 8 e 20 da noite, na Band.

quinta-feira, 11 de julho de 2019

Aberturas de Novelas - Para Toda La Vida (Televisa / Megavisión, 1996)

Ofelia Medina protagonizou "Para Toda la Vida"
Foto: Reprodução

Em 1996, Lucero Suárez fazia sua estreia como produtora executiva ao encabeçar o projeto de "Para Toda La Vida", uma novela realizada pela Televisa em coprodução com a emissora chilena Megavisión. A trama é a segunda versão mexicana de "La Madrastra", novela chilena produzida pelo Canal 13 em 1981 e escrita por Arturo Moya Grau.
Em "Para Toda La Vida", durante uma viagem com o marido e amigos para a América do Sul, a vida de Elena Valdemoros (Ofelia Medina) sofre um revés. Ela é condenada à prisão perpétua e detida em uma prisão chilena por um crime que não cometeu, Elena foi encontrada com o corpo de um de seus companheiros de viagem e com uma arma na mão.
Ignorando o fato de que sua esposa sempre alegou ser inocente, Fernando Valdemoros (Exequiel Lavandero), decide divorciar-se e evitar um escândalo social. Para proteger a reputação de sua empresa, ele informa à família e aos amigos que Elena está morta. 
Quinze anos depois, Elena sai da prisão por bom comportamento e retorna ao México em busca da pessoa responsável pela destruição de sua vida e recuperar o carinho de seus três filhos: Enrique (Eduardo Arroyuelo), Estela (Paola Otero) e Eduardo (kuno Becker). Apesar das adversidades, o destino oferece a Elena e a Fernando uma nova chance de reconstruir suas vidas, desde que decidam perdoar e esquecer.
"Para Toda La Vida" foi um verdadeiro fracasso no México. Mesmo com uma boa história e um elenco estelar, a novela estreou na faixa das 21 horas e enfrentou a forte concorrência de "Nada Personal", da TV Azteca, uma novela original, polêmica e extremamente atual para a época. 
Além da rejeição do público mexicano, os problemas começaram a surgir nos bastidores. Lucero Suárez foi substituída por Juan Osorio no comando da produção, a novela foi remanejada para a faixa das 17 horas e vários ajustes foram realizados na história. As mudanças desagradaram à protagonista Ofelia Medina, que tomou a decisão de deixar a novela. Para remediar o novo problema, a produção definiu que a protagonista da história deveria morrer.
O resultado final de "Para Toda La Vida" foi um verdadeiro desastre, terminando com um gosto amargo e desconfigurando a história original. Nesta versão, a verdadeira assassina, embora tenha se matado, não pagou pelo seu crime, além da protagonista não ter feito justiça.
Na coluna desta semana, confira a abertura de "Para Toda La Vida". O tema principal instrumental, que leva o nome da novela, foi composto por Luis Guzmán Zaldívar.

Créditos: Televisa

segunda-feira, 8 de julho de 2019

"Sin Miedo A La Verdad" estreia nova temporada no Las Estrellas

Banner oficial de "Sin Miedo A La Verdad"
Divulgação: Televisa

Depois do grande sucesso da primeira temporada no México em 2018, a série "Sin Miedo A La Verdad" garantiu uma nova temporada para este ano. Nesta continuação, o telespectador pode esperar por muitas emoções e surpresas.
Depois de ficar em coma por três meses, descobrir que sua irmã Estéfani (Ana Cristina Rubio) está viva e que ela está por trás do "El Chaka", Manu (Alex Perea) acorda e percebe que tem uma bala na cabeça. Manu tenta se recuperar, quando ele descobre que Bere (Tania Niebla) o deixou e seu bvlog "Sin Miedo A La Verdad" foi hackeado por alguém que cobra em troca de ajudar as pessoas. 
Agora, Manu terá que fugir de um Horacio (Fermín Martínez) cada vez mais poderoso, procurar sua irmã, encontrar a verdade por trás do desaparecimento de Bere e descobrir o segredo que Lety (Ligia Uriarte) esconde, que continuará tentando recuperar seu amor. Dona Cata (Dacia González), como sempre, continuará sendo sua aliada incondicional, junto com Chicho (Víctor Civeira) e Genaro (Rubén Cerda).
"Sin Miedo A La Verdad" é uma história de Rubén Galindo, Celia Kim, Carolina Mata, Raúl Olivares e Marcelo Strupini. A direção é de Silvia Tort, Carlos Jaramillo, Carlos Sariñana, Guillermo González e Vanessa Ciangherotti. A produção geral é de  Rubén Galindo. A trama estreia no México hoje, dia 8 de Julho, às 9 e meia da noite, no Las Estrellas.

sábado, 6 de julho de 2019

"Amor a la Catalán" estreia hoje no Chile

Pôster na novela "Amor a la Catalán"
Divulgação: Canal 13

Apostando na grande audiência que será registrada pelo duelo entre Chile e Argentina na Copa América, o Canal 13 do Chile escalou sua mais recente produção para ser exibida neste sábado, dia 6 de Julho, logo após o jogo.
Esta história começa com as desventuras de Fernando Catalán (Cristián Campos), um empresário padeiro que esconde um segredo que ele mantém há mais de trinta anos: ele tem uma segunda família do outro lado da cidade.
Se por um lado, ele tem um casamento sério com a elegante Isabel Cruzat (Catalina Guerra), pelo outro, ele tem um relacionamento com a popular Yanara Cabezas (Tamara Acosta), a rainha da beleza de Cartagena. Fernando tinha tudo certo. Sua padaria estava funcionando melhor do que nunca. Nada poderia dar errado, pelo menos até o momento em que Fernando morre.
Rafael Catalán (Matías Assler), o filho mais velho de Isabel e Fernando, pede em casamento a sua namorada de anos, a bela Lucía (Josefina Montané), embora ela não seja o verdadeiro amor de sua vida. No entanto, Rafael continua com o plano de se casar, tentando esquecer um amor que acaba de conhecer, mas que ficou no fundo de seu coração: Dafne (Daniela Ramírez), a misteriosa nova contratação das padarias de seu pai. No dia do casamento, Fernando desmaia misteriosamente. O que era pra ser uma grande festa torna-se um funeral, e o segredo mais bem guardado de Fernando é revelado.
Catalán, antes de morrer, inventou uma maneira curiosa de amar, e todos ficarão rendidos a esse método inédito. Isabel se aproximará do irmão de seu falecido marido, Pedro (Fernando Kliche), que tem pretensões de enganá-la. A filha mais nova de Fernando, Danae Catalán (Loreto Aravena) vai se apaixonar por Camilo (Gabriel Urzúa), embora ele seja atraído por Dafne. Por outro lado, o melhor amigo de Rafael, Lucas Vidal (Antonio Campos), estará disposto a seduzir Lucía. E, finalmente, Dafne e Rafael, que apesar de terem tudo contra, vão lutar para ficar juntos, sem imaginar que devem descobrir uma verdade chocante.
No momento de distribuir a herança, Rafael descobrirá que Dafne é filha de Yanara e são irmãos. Dafne, Danae e Yanara também se tornarão proprietários de 50% das Padarias Catalán, mesmo com a notória oposição de Isabel, que não estará disposta a dar metade dos negócios da família.
Coprodução de Canal 13 e AGTV, "Amor a la Catalán" é uma história de Camila Vilagrán, Marcelo Catañon, Malú Urriola, Carlos Galofré, David Bustos e Hugo Carrillo. A direção geral é de Vicente Sabatini, com supervisão de texto de Lauro César Muniz. Tamara Acosta, Catalina Guerra, Cristián Campos, Daniela Ramirez, Loreto Aravena, Matías Assler, Josefina Montané, Álvaro Espinoza e Ximena Rivas são alguns artistas que integram o elenco desta novela.
"Amor a la Catalán" será exibida no Chile de segunda à sexta-feira, na faixa das 8 da noite.

segunda-feira, 1 de julho de 2019

"Los Elegidos" reabre faixa de novelas às 17 horas no Las Estrellas

Pôster oficial de "Los Elegidos"
Divulgação: Televisa / Sony Pictures

Nesta segunda-feira, dia 1º de Julho, a extinta faixa de novelas das 17 horas é reaberta na grade de programação do Las Estrellas com a estreia de "Los Elegidos", uma proposta diferente dentro do mundo das telenovelas mexicanas. Produzida pela Sony Pictures para a Televisa, a trama gira em torno das aventuras dos García García, uma família aparentemente normal, mas que escondem um grande segredo. Seus membros mais jovens possuem qualidades muito especiais e devem se esconder para se protegerem.
Jimena (Sara Maldonado) e Mario (Carlos Ferro), chefes dos García García, farão de tudo para proteger seus filhos, os cinco jovens extraordinários: Cobra (Jason Romo), Sandra (Macarena García), Carlos (Max Uribe), Lucas (Erick Cañete) e Lucía (Paola Real). Cobra, Sandra, Carlos, Lucas e Lucía possuem dons que constantemente os envolvem em situações perigosas, colocando em risco o segredo de suas verdadeiras identidades. A família Garcia Garcia é assombrada pelo sinistro Coronel Morrison (Julio Bracho), um ex-militar dos Estados Unidos que deseja usar os poderes dos cinco jovens para o benefício de seus esquemas diabólicos.
Com previsão de 70 capítulos, a trama está baseada na série espanhola "Los Proregidos", uma hstória original de Gregorio Quintana de Uña, Ruth García Martínez e Darío Madrona López Gallego. A produção é de Andrés Santamaría e conta com a direção de Carlos Eduardo González Sariñana e Bonnie Cartas.
"Los Elegidos" estreia hoje, às 5 da tarde no "Las Estrellas".

domingo, 23 de junho de 2019

Fique por dentro da história de "Juntos, el corazón nunca se equivoca"

Pôster oficial de "Juntos, el corazón nunca se equivoca"
Divulgação: Televisa

Aristóteles Córsega (Emilio Osorio) e Cuauhtémoc López (Joaquín Bondoni) deixam sua casa para ter uma vida juntos na Cidade do México e estudar na universidade. Entretanto, eles não farão isso sozinhos: Polita (Gabriela Platas) e Pancho (Arath de la Torre) querem acompanhá-los na jornada, já que a família sempre está com eles. 
Aristemo chegará a um peculiar condomínio horizontal que fica no bairro Roma, onde são recebidos por Dora (Helena Rojo) e Nora (Nuria Bages), duas irmãs bastante peculiares. 
No início, Temo fica um pouco desconfiado, então Ari o encoraja a confiar e ter fé, porque eles estão juntos, enfatizando que a cidade não está pronta para eles!
Tudo se complicará quando eles descobrem que Pancho e Polita arranjaram tudo para que o casal ficasse morando lá!

Conheça os novos personagens que se integram a vida de Aristemo:

Ubaldo (Sergio Sendel): Pai de Diego, o melhor amigo de Temo. Ele está disposto a fazer qualquer coisa para alcançar seus objetivos, especialmente se seu objetivo é ser o governador da Cidade do México. 

Elsa (Leticia Calderón): Mãe de Andrés (Bruno Santamaria) e Carlota, com quem ela não tem um bom relacionamento. Trabalha como assessora na campanha de Ubaldo

Dora (Helena Rojo) e Nora (Nuria Bages): Administradores do condomínio onde Aristemo vai morar. Enquanto Dora é forte e controladora, Nora possui um bom coração, sendo controlada pela irmã.

Olegario (Victor González): Considerado um ser liberal e revolucionário. Ele é casado com Elsa, mas eles ficam separados a maioria do tempo. 

Soledad (Laura Flores): É uma artesã que se dedica a arte da escultura. Casada com Ubaldo e mãe de Diego, é uma mulher submissa e abnegada aos desejos do marido. 

Diego (Nikólas Caballero): Jovem que decidiu se afastar do desejo de seu pai de estudar uma carreira política para se concentrar no mundo do entretenimento. 

Carlota (Ale Müller): Estudante de jornalismo, ela acha que sua mãe, Elsa, é a culpada pela morte de seu irmão. É a colega de quarto de Aristemo.

Com previsão de 26 capítulos, "Juntos, el corazón nunca se equivoca" teve sua estreia  no México alterada para hoje, às 9 e meia da noite. Durante a semana, ocupará a faixa das 8 e meia da noite, deixada por "Doña Flor Y Sus Dos Maridos".