Trailer de nova versão de "La Usurpadora" divide opiniões

Novela será transformada em uma série de 20 a 25 capítulos.

"Um Bandido Honrado" estreia na Colômbia pelo Canal Caracol

Trama narra a história de um traficante arrependido de seus delitos.

Juntos, el corazón no se equivoca - Primeiros Promocionais

Trama é uma Spin-off protagonizada pelo casal Aristemo, personagens da novela "Mi marido tiene más familia".

Aberturas de Novelas: María José (Televisa, 1995)

Novela foi exibida no Brasil, pela CNT em 1997.

Edith González morre aos 54 anos.

Atriz sempre foi uma figuras mais importantes do espetáculo mexicano.

Notícias

segunda-feira, 31 de agosto de 2015

Especial: Novelas mexicanas e seus remakes filipinos

Na semana passada falamos sobre a estreia do segundo remake de "Marimar" nas Filipinas. Em uma pesquisa maior, descobrimos outros títulos da Televisa que foram adaptados por lá e que fizeram muito sucesso. Confira alguns deles:

Marimar (2007)


A primeira versão realizada nas Filipinas foi uma co-produção da GMA Network e da Televisa protagonizada por Marian Rivera e Dingdong Dantes. Contou com 155 capítulos e ganhou quatro especiais. Veja abaixo, a abertura da novela.


Rosalinda (2009)


A nova versão de "Rosalinda" foi produzida pela GMA Network e teve como protagonistas Carla Abellana e Geoff Eigenmann. Foi exibida em 105 capítulos no ano de 2009. Confira abaixo, um promocional da novela.


Rubí (2010)


A eterna descarada também ganhou uma versão filipina, que desta vez, foi produzida pela ABS-CBN. Esta versão teve algumas mudanças bem curiosas: Vivian, a mãe de Rubí, não teve escolha ao dar sua filha para adoção, pois passou alguns anos na prisão. A menina tinha uma cicatriz avermelhada em seu corpo. Ao conquistar a liberdade, Vivian começa a procurar sua filha. Rubí teve uma infância sofrida e muito carente de bens materiais, situações que contribuíram para tornar-se uma mulher ambiciosa. Angelica Panganiban protagonizou a trama ao lado de Jake Cuenca, Shaina Mangdayo e Diether Ocampo. Sua exibição foi realizada em 128 capítulos. Veja abaixo, o trailer da novela.


María la del Barrio (2011)


Em 2011, foi a vez de "María la del Barrio" ganhar uma versão filipina. Também produzida pela ABS-CBN, foi protagonizada por Erich Gonzales e Echong Dee. A trama foi exibida em 145 capítulos. Confira um promocional da novela.


María Mercedes (2013)


Em 2013, "María Mercedes" foi adaptada nas Filipinas. Jessy Mendiola, Jake Cuenca e Jason Abalos foram os protagonistas. De todos os remakes já realizados, este foi o mais curto, contou com apenas 80 capítulos. A novela foi produzida pela ABS-CBN. Veja o videoclipe realizado para a produção.

sexta-feira, 28 de agosto de 2015

Remake de "Simplesmente Maria" já tem protagonistas definidos

José Ron, Claudia Álvarez e Ferdinando Valencia

Demorou, mas saiu! Finalmente o trio de protagonistas foi definido pelo Produtor Ignacio Sada Madero. Claudia Álvarez terá a missão de interpretar uma das personagens mais marcantes da história da TV Mexicana. José Ron e Ferdinando Valencia serão os dois galãs encarregados de disputar o amor de María, personagem principal da trama. As gravações devem começar em breve.

quinta-feira, 27 de agosto de 2015

Aberturas de Novelas - Rosalinda (Televisa - 1999)


Depois de um longo tempo afastada das novelas, Thalía voltava em "Rosalinda" no ano de 1999. A produção de Salvador Mejía Alejandre na Televisa foi realizada para o horário das 21 horas. 
Criada por Delia Fiallo e adaptada por Carlos Romero, Liliana Abud e Kary Fajer, contava a história de uma jovem florista chamada Rosalinda (Thalía) que, ao se apaixonar pelo pianista Fernando José (Fernando Carrillo), não sabia que este encontro mexeria em seu passado. Sua mãe, Soledad Romero (Angélica María) teve um romance com Alfredo de Castillo (Manuel Saval), mas era constantemente assediada por José Fernando (Guillermo García Cantú), irmão de Alfredo. Após uma tentativa de estupro, Alfredo mata seu irmão. Em um ato de desespero, Soledad assume a autoria do crime. Meses depois, ela descobre que está grávida de Alfredo e dá a luz atrás das grades. 
Valéria Altamirano (Lupita Ferrer) é madrasta de Fernando José e alimentou durante muitos anos um ódio mortal por Soledad. Fernando José jura que vingará a morte do pai, por ele e pela madrasta, mas não sabe que o verdadeiro culpado convive com ele todos os dias, que é seu tio e o verdadeiro pai de Rosalinda. 
A trama não fez o sucesso esperado no México, mas devido ao peso da presença de Thalía, a novela teve muito êxito no mercado internacional. "Rosalinda" foi a última novela da estrela mexicana, embora existam diversos convites para que ela volte. 
A abertura conta de uma forma geral a saga de Rosalinda. A música não podia ser cantada por ninguém mais que a própria Thalía. Composta por Kike Santander e produzida por Emilio Estefan Jr., levava o nome da novela. 

quarta-feira, 26 de agosto de 2015

"Escrava Mãe" estreia em Novembro na Record

Pedro Carvalho e Gabriela Moreyra são os protagonistas de "Escrava Mãe"
Divulgação: Rede Record

Com as gravações a todo vapor, a novela "Escrava Mãe" já tem data para entrar no ar. De acordo com o jornalista Flávio Ricco, a Rede Record confirmou por meio de sua assessoria de imprensa que a trama estreia no dia 16 de Novembro, para substituir o grande sucesso "Os Dez Mandamentos".
"Escrava Mãe" é uma novela de Gustavo Reiz, com direção de Ivan Zettel e contará a história da mãe da famosa escrava Isaura. No elenco, nomes como: Gabriela Moreyra, Pedro Carvalho, Fernando Pavão, Luísa Tomé, Bete Coelho, Cássio Scapin, Zezé Motta, Milena Toscano, Thaís Fersoza, Roger Gobeth, Neuza Borges, Luiz Guilherme, Jayme Periard, entre outros. Momentaneamente, a emissora paulista deixa as tramas bíblicas para apostar nesta história ambientada no ano de 1808.

terça-feira, 25 de agosto de 2015

Trilhas de Novelas - Alma Gêmea (Alma Gêmea)


Ambientada na década de 20, "Alma Gêmea" abordou o espiritismo com uma linguagem simples e reuniu todos os elementos necessários para um bom folhetim, com direito a um casal de grande empatia e uma vilã bastante dissimulada. Em 2005, Walcyr Carrasco mais uma trama de sucesso para a Rede Globo. O romance de Rafael (Eduardo Moscovis) com a jovem índia Serena (Priscila Fantin), que era a reencarnação de sua falecida esposa Luna (Liliana Castro), caiu no gosto do público.
O tema principal da trama não foi realizado para a novela, pois ela já existia há muito tempo. A faixa foi composta por Peninha e fez parte do álbum de Fábio Jr. gravado em 1994. Mesmo assim, a música combinou com toda a mensagem transmitida nesta história. Relembre aqui, um dos maiores sucessos da carreira do cantor.

segunda-feira, 24 de agosto de 2015

TV Filipina produz mais uma versão de "Marimar"

Megan Young será "Marimar"

Enquanto acompanhamos as emoções de "Coração Indomável" no Brasil, do outro lado do planeta estreará mais um remake de "Marimar", exatamente nas Filipinas, pelo Canal GMA Network. Esta é a segunda refilmagem no país da história escrita por Inés Rodena. Em 2007, o mesmo canal produziu esta novela com grande sucesso. O mais curioso é que "Coração Indomável" também está no ar atualmente por lá.

Marian Rivera e Dingdong Dantes foram os protagonistas da versão de 2007

Definitivamente nas Filipinas, as novelas de Thalía são inesquecíveis. Prova disso é que a transmissão da versão original de "Marimar" foi um grande sucesso, chegando a parar uma guerra no país para exibição do último capítulo, assim abrindo as portas para outras produções da televisão mexicana.

"Marimar" e "Coração Indomável" são grandes sucessos nas Filipinas

Na versão de 2015, Megan Young interpretará o papel de Marimar. A jovem é conhecida por ter sido a primeira e até agora, a única mulher no país a ganhar o título de Miss Mundo. A grande façanha aconteceu em 2013. Há dez anos está no mundo dos espetáculos e possui trabalhos como apresentadora, modelo e atriz.
A produção estreia hoje e já se tornou o programa mais esperado do ano da TV Filipina. Confira um promocional da novela.

sexta-feira, 21 de agosto de 2015

Globo divulga cenas exclusivas de "A Regra do Jogo"


Nesta semana, a Rede Globo apresentou aos meios de comunicação a novela "A Regra do Jogo". Prevista para estrear no próximo dia 31, a expectativa da produção e do público é grande. Durante a coletiva foi exibido um trailer, onde podemos conhecer um pouco mais da história criada por João Emmanuel Carneiro. Confira!

quinta-feira, 20 de agosto de 2015

Roberto Gómez Fernández prepara "El Gran Hotel" para a Televisa


Com "El Color de la Pasión", Roberto Gómez Fernández foi muito bem avaliado pelo público e pela crítica ao trazer uma história original, objetiva e bem produzida. Seu retorno será em breve, com a produção de uma nova versão da série espanhola "El Gran Hotel". Nas próximas semanas serão realizados castings para a escolha do elenco e as gravações devem começar no mês de outubro. Inicialmente, a Televisa pretende exibir a trama primeiro nos Estados Unidos pela Univisión e nas semanas seguintes no México, na faixa das 19 horas, substituindo "A que no me dejas". Erik Elias poderia ser o protagonista desta trama de época, que está ambientada no começo do século XX.

Aberturas da Novelas - Quatro por Quatro (Globo - 1994)

Letícia Spiller, Elizabeth Savala, Cristiana Oliveira e Betty Lago foram as protagonistas de "Quatro por Quatro"

Em 1994, Carlos Lombardi escreveu para a Rede Globo a novela "Quatro por Quatro". Uma história divertida que tinha como atrativo a guerra dos sexos. Depois de uma batida de carro, quatro mulheres se conhecem e, ao ficarem um tempo na cadeia, tornam-se grandes amigas com um desejo em comum: vingar-se de seus ex-companheiros, com os quais haviam acabado de romper.
Ao som de Picadinho de Macho, interpretado pela cantora Sandra de Sá, a abertura retrata de uma forma inteligente a história da trama, onde mulheres perseguem homens para fazer ajustes de contas. Relembre este grande sucesso.

quarta-feira, 19 de agosto de 2015

Susana González e Marlene Favela confirmadas em "Pasión y Poder"



Depois de anunciada as participações de Fernando Colunga e Jorge Salinas na nova versão de "Pasión y Poder", Susana González e Marlene Favela foram confirmadas como protagonista e vilã da novela respectivamente. A nova produção de José Alberto Castro será a substituta de "Lo Imperdonable", atual novela das 9 no México.

Lícia Manzo prepara nova novela


Depois do sucesso de "Sete Vidas" a autora Lícia Manzo prepara uma nova novela para a Rede Globo. Segundo a colunista Patrícia Kogut, esta produção tem a previsão de estreia somente para 2017 na faixa das 23 horas e o diretor responsável pela trama será José Luiz Villamarim.

terça-feira, 18 de agosto de 2015

Trilhas de Novelas - Si Tú Supieras (María Isabel)


Em 1997, Adela Noriega e Fernando Carrillo protagonizaram "María Isabel", novela produzida por Carla Estrada e escrita por Yolanda Vargas Dulché. A história girava em torno de uma jovem índia que encontra o amor na cidade grande, ao lado do milionário Ricardo Manterola (Fernando Carrillo), mas seu jeito simples e sua educação pouco refinada provocariam diversos conflitos com sua família e com a família de Ricardo. A trama foi exibida nas tardes do SBT entre 2000 e 2001.
Para o tema principal da novela, foi escolhida a música Si Tú Supieras, interpretada por Alejandro Fernández. Filho do grande cantor de rancheiras Vicente Fernández, estava com sua carreira em ascensão. 
A faixa integra o álbum Me Estoy Enamorando, produzido por Emilio Estefan Jr. e foi a música que levou o artista para o mercado americano, onde ficou por sete semanas em primeiro lugar na Billboard.
Alejandro Fernández é um cantor muito querido pelos mexicanos e, depois desta novela, emplacou vários sucessos em outras produções do México, Colômbia e Venezuela. Relembre este grande sucesso neste videoclipe.

segunda-feira, 17 de agosto de 2015

Conheça a história da webnovela "Corazón Enamorado"

"Corazón Enamorado" conta a história de María Bonita, uma garota que vive nos Estados Unidos e se vê forçada a atravessar a fronteira para o México. Imperdível!


Diferente, divertida e única.

Assim é “Corazón Enamorado”, telenovela que Magos Gutiérrez (Sherlyn) acompanha todos os dias. Um melodrama que não tem nada de tradicional e convencional.
Aqui conheceremos tudo o que vai acontecer na vida de María Bonita, quando o destino a coloca no meio de uma encruzilhada. Terá que deixar tudo o que gosta nos Estados Unidos para cruzar o Rio Bravo e ir para o México, com o objetivo de descobrir o nome e paradeiro da sua mãe. 
Francisco Javier é o galã que a fará viver momentos de grande intensidade. Juntos lutarão pelo amor verdadeiro, apesar das maldades de uma rival e de uma sogra de só olha o que lhe convém.
Não perca "Corazón Enamorado" no YouTube, no site oficial de "Antes muerta que Lichita" e no ar, dentro da telenovela, no Canal de las Estrellas.

Fonte: Televisa

Conheça a Sinopse de "Antes muerta que Lichita"


Lichita Gutiérrez (Maite Perroni) é a empregada mais menosprezada da Icónika, a agência de publicidade mais importante da América Latina, empresa em que trabalha há vários anos como assistente. Sua ideia é ir ascendendo pelo seu próprio esforço, mas o fato é que nunca passou do cargo em que está, sendo uma espécie de "secre-todóloga" e "multiuso."
Ela faz de tudo para ajudar e sustentar sua família: seus pais trabalhadores, sua irmã tresloucada e sua amada sobrinha. No entanto, Lichita sonha que algum dia o amor lhe estenda a mão e a tire de sua mera existência, mesmo que conscientemente saiba que ninguém iria notá-la, já que aos olhos dos outros é invisível.
Em uma grande festa, Lichita conhece o atraente e encantador Roberto Duarte (Arath de la Torre) mas, para sua grande surpresa, este aparente galã dos sonhos, vê em seu rosto a forma de ingressar na Icónika como colaborador. O que ela ignora é quais foram as razões que levaram a Roberto a armar este plano.
Assim Lichita vive uma série de humilhações, provocações e piadas pesadas feitas pelos funcionários da Icónika. Isso inclui os maus tratos de Luciana (Ingrid Martz), a sobrinha pedante e presunçosa do dono da agência, que recentemente chegou ao México e consegue um cargo melhor que o de Lichita.
Cansada de ser "Lichicienta" e que ninguém reconheça o seu esforço depois de tantos anos de trabalho, Lichita decide mudar e, com isso, recuperar o que lhe pertence por direito. Ela resolveu deixar de ser Lichita para se tornar Alicia e lutará até contra a sua própria natureza nobre para decretar: Antes morta que Lichita.

Fonte: Televisa

sexta-feira, 14 de agosto de 2015

Galeria do Artista - Antonio Fagundes


Antonio da Silva Fagundes Filho nasceu em 18 de abril de 1949 no Rio de Janeiro. Aos oito anos de idade, mudou-se para São Paulo. Descobriu sua vocação quando começou a atuar no grupo de teatro do Colégio Rio Branco, onde estudou. Seu primeiro papel foi em 1963, aos 14 anos, na peça "A Ceia dos Cardeais". 
Em 1966, atuou na peça “Atlantic’s Queen”, que lhe rendeu seu primeiro prêmio de ator no IV Festival de Teatro Amador. No mesmo ano, entrou para o Teatro de Arena de São Paulo e, em 1968, passou a integrar o elenco permanente do grupo. 
Fagundes começou na televisão atuando nos teleteatros da TV Cultura. Aos 19 anos teve seu primeiro papel em uma novela, “Antônio Maria” (1968), da extinta TV Tupi, onde atuou em outras novelas. 
Sua primeira oportunidade na Rede Globo surge em 1976 com a novela “Saramandaia”. No ano seguinte, ganha o prêmio de melhor ator da Associação Paulista de Críticos de Arte (APCA), por sua atuação na novela “Nina” (1977). 
Em 1979 protagonizou ao lado de Stênio Garcia a série “Carga Pesada” e voltou a gravá-lo em 2003, com os dois atores nos mesmos papéis. 
Em seu currículo há novelas de sucesso como "Renascer" (1993), “O Rei do Gado” (1995), “Terra Nostra” (1999) e “Porto dos Milagres”(2001). Em 2013 interpretou César, o pai do inesquecível Félix em "Amor à Vida". Seu último trabalho na TV foi em "Meu Pedacinho de Chão" (2014) no papel de Giácomo Brunetto. 
Além da televisão, Fagundes tem uma carreira respeitável no cinema e no teatro. Um exemplo a ser seguido por muitos atores. Confira seus principais trabalhos na TV. 

2014 - Meu Pedacinho de Chão (Giácomo Brunetto) 
2013 - Amor à Vida (César) 
2012 - Gabriela (Ramiro Bastos) 
2011 - Insensato Coração (Raul Brandão) 
2010 - Tempos Modernos (Leal Cordeiro) 
2008 - Negócio da China (Ernesto Dumas) 
2007 - Duas Caras (Juvenal Antena) 
2005 - Mad Maria (Ministro J. de Castro) 
2003/2007 - Carga Pesada (Pedro) 
2002 - Vale Tudo (Salvador) 
2002 - Esperança (Giuliano) 
2001 - Porto dos Milagres (Félix Guerrero / Bartolomeu Guerrero) 
1999 - Terra Nostra (Gumercindo) 
1998 - Labirinto (Ricardo Velasco) 
1997 - Por Amor (Atílio) 
1996 - O Rei do Gado (Bruno Mezenga / Antônio Mezenga) 
1995 - A Próxima Vítima (Astrogildo) 
1995 - Engraçadinha... Seus Amores e Seus Pecados (Dr. Bergamini) 
1994 - A Viagem (Otávio César Jordão) 
1993 - Renascer (José Inocêncio) 
1991 - O Dono do Mundo (Felipe Barreto) 
1990 - Rainha da Sucata (Caio Szimanski) 
1988 - Vale Tudo (Ivan Meireles) 
1984 - Corpo a Corpo (Osmar) 
1983 - Louco Amor (Jorge Augusto) 
1983 - Champagne (João Maria) 
1979 - Carga Pesada (Pedro) 
1978 - Dancin' Days (Cacá) 
1977 - Nina (Bruno) 
1976 - Saramandaia (Lua Viana) 
1974 - O Machão (Petruchio) 
1973 - Mulheres de Areia (Alaor) 
1972 - Bel-Ami (Cadu) 
1972 - A Revolta dos Anjos (Vítor) 
1969 - Nenhum Homem é Deus (Netinho) 
1968 - Antônio Maria

quinta-feira, 13 de agosto de 2015

Aberturas de Novelas - Mar de Amor (Televisa - 2009)

Pôster da Telenovela "Mar de Amor"
Direitos reservados à Televisa S.A de C.V. México MMIX

Em 2009, Nathalie Lartilleux produziu para a Televisa a novela "Mar de Amor". O remake da novela "María del Mar" (Venevisión, 1978), foi protagonizado por Zuria Vega e Mario Cimarro. Ambientada no litoral mexicano, contava a história de Estrella Marina (Zuria Vega), uma jovem que trabalha como pescadora na Playa Escondida e sonha em se superar. Sofre pelo transtorno mental que padece sua mãe Casilda (Erika Buenfil), desde que foi violentada. A chegada dos Parra Ibañez e do Engenheiro Victor Manuel Galíndez (Mario Cimarro) mudam o rumo da vida de Estrella.
"Mar de Amor" foi uma novela de relativo sucesso, mas tumultuada nos bastidores. Conhecido por ter um gênio difícil, Mario Cimarro foi criando diversos problemas: atrasos nas gravações, mau humor e conflitos com colegas de trabalho foram os muitos motivos pelos quais e ator foi dispensado na reta final da trama. Embora muitas cenas já haviam sido gravadas, a produção teve um trabalho dobrado para concluir as gravações e cobrir a ausência do ator da trama.
Gravada nas praias do Estado de Cambeche, a abertura da novela apresenta o elenco entre as belas paisagens naturais. Com molduras de quadro, os personagens pareciam estar em fotografias. A música Regálame un beso, de Fanny Lu, deu o tom da apresentação. Confira no vídeo abaixo:

quarta-feira, 12 de agosto de 2015

Camila Queiroz já está reservada para "Candinho"


Sucesso em "Verdades Secretas", Camila Queiroz já tem outro trabalho em vista. Trata-se de "Candinho", novela das 6 que também será escrita por Walcyr Carrasco. Segundo informações da colunista Patricia Kogut, a atriz já teria feito o teste e foi aprovada por Jorge Fernando para fazer uma romântica caipira que fará par com o ator Klebber Toledo.

"Antes muerta que Lichita" aposta em conteúdo digital


"Antes muerta que Lichita" estreia dia 24 de Agosto

Fonte: Televisa

Na última semana, a produtora Rosy Ocampo apresentou aos meios de comunicação toda a gama de conteúdos digitais que derivam da novela "Antes muerta que Lichita". O site www.lichita.com apresenta 16 atrações que farão o público ficar mais próximo desta história que entrará no ar no próximo dia 24 de Agosto. Confira:


1. Webnovela "Corazón Enamorado": Uma novela dentro da novela. Magos (Sherlyn), irmã de Alicia (Maite Perroni) acompanha esta história na televisão. Esta webnovela é uma história de amor e criada 100% para usuários digitais. Sua abordagem é baseada em componentes e esteriótipos próprios das telenovelas mexicanas. Durante a exibição de “Antes muerta que Lichita” no Canal de las Estrellas, veremos segmentos curtos e toda segunda-feira um novo episódio completo (duração 5-7 minutos) desta webnovela será publicada no site oficial.

2. Vídeo blog " Los expedientes secretos de Icónika"
: Neste blog, serão apresentados golpes dramáticos e momentos-chave da história que serão revelados pelo vigilante da Agência Icónika, através de situações captadas por câmeras de segurança. Na novela veremos um aviso quando ele estiver disponível no aplicativo.


3. Vídeo blog "Gumaradas": Em tom humorístico e malicioso, Gumaro (Pablo Valentín), irá compartilhar suas aventuras com convidados especiais. Em breves cápsulas de vídeo, Gumaro tenta reparar vários objetos pessoais dos convidados, mas suas habilidades são poucas e isso irá colocá-lo em sérios apuros.


4. Vídeo Tutorial "Aprendiendo com Elsa": Guia para facilitar a migração digital com conselhos simples para as pessoas que ainda não tem grandes habilidades para usar um PC e outros dispositivos móveis. Com sua neta Ximena (Ana Paula Martínez), Elsa (Sylvia Pasquel) vai aprender vários aspectos do uso de computadores e mundo da Internet, tais como buscar um site, pesquisar informações na rede e o uso de outros dispositivos. Na telenovela veremos um aviso quando o vídeo estiver disponível no site.

5. Blog “De la vida… blogueando ando”: Um espaço para reflexão. Neste espaço, Lichita, a protagonista desta história, vai expressar sua visão sobre a vida. O Blog irá refletir as circunstâncias enfrentadas por Lichita na novela. É um espaço que trará aos usuários informações úteis para a vida e que oferece aos fãs a oportunidade de expressar e compartilhar suas próprias experiências. 

6. Jogo interativo "Godínez World": Videogame dinâmico que mostrará 10 mundos diferentes com 10 níveis de dificuldade, cada um relacionado com o enredo da novela, onde os usuários devem "superar" desafios e ganhar pontos. É um aplicativo que o usuário deve baixar em seu telefone. Ele estará disponível para iOS e Android. Além disso, como parte da trama, os personagens da história jogarão "Godínez World". 

7. Vídeo blog “2 Lados Encontrados”: A vida sempre tem dois pontos de vista. Brisa (Wendy González) e Braulio (Diego de Erice) são dois empregados da Icónika que, embora estejam unidos pelo trabalho, terão perspectivas muito diferentes sobre diferentes aspectos da vida. Neste espaço serão expostas ideias sobre temas atuais e polêmicos: união, selfies, animais de estimação, flertar on-line, etc. 

8. Blog infográfico "Dafy Zone": Espaço de expressão da personagem Dafne de Toledo e Mondragón (Vanessa Díaz), que vai apresentar conselhos práticos sobre situações comuns na vida dos adolescentes. Com detonadores na trama da novela, trará infográficos destinados às adolescentes, com o objetivo de encontrar pontos em comum nas situações cotidianas, tais como: Cinco coisas que você pode perder se você faltar a escola, como sobreviver ao primeiro dia de aula? O que fazer se o seu pai não deixa você tem um namorado? 

9. Fotogaleria “Tu novela en imágenes”: Galeria de fotos divididas em diferentes categorias: resumo semanal, cenas e personagens especiais, etc. Cada galeria de fotos vai projetar aspectos importantes do contexto de cada etapa da história. 

10. Nos bastidores “Conoce más y más”: Pedro Prieto é o apresentador deste espaço e vai mostrar vários aspectos da produção da novela: cenas importantes, vídeos musicais, biografias da equipe de produção, fotografias, relatórios e cápsulas narradas. As cápsulas em vídeo contêm material extra mostrando os bastidores em vários estágios da produção da novela. 

11. Tarjetas de Temporada "e -cards": Neste espaço, em cada data importante, os fãs poderão colocar a sua foto com imagens únicas dos personagens da novela nos "Lichi-cards digitais", com a possibilidade de enviá-los para família e amigos. É um conteúdo interativo, divertido e compatível. 

12. Teste Personalizado “¿Qué personaje eres?”: Teste de personalidade digital que irá permitir que o usuário identifique semelhanças e diferenças de personalidade com os cinco personagens principais da novela. O último resultado do teste oferece um mini vídeo com o final alternativo para cada personagem. 

13. Conteúdo para crianças "El Espacio de Ximena": Neste espaço Ximena (Ana Paula Martínez) fará diversos trabalhos manuais, receitas simples de cozinha e trará dicas para todas as crianças. 

14. Dinâmicas e promoções "Fan Art": Este será o espaço dedicado aos fãs. Terão muitas dinâmicas e promoções nas redes sociais, com o objetivo de gerar a integração com o público digital. Os usuários podem participar de diferentes maneiras, criando suas próprias versões de fotos e vídeos. 

15. APP Second Screen: Durante a transmissão da novela, os usuários podem receber conteúdo adicional que lhes dará maior interatividade com o enredo da história: fotografias, vídeos, enquetes, cenas estendidas, etc. 

16. Redes Sociais: Espaço para uma conversa, participação e integração com o público através do Twitter, Facebook e Instagram.

"Os Dez Mandamentos" é esticada em 20 capítulos


Devido ao grande sucesso, "Os Dez Mandamentos" ganhou mais 20 capítulos. Prevista para finalizar suas transmissões em 16 de Outubro, a história de Vivian de Oliveira ficará por mais algumas semanas nas noites da Record. De acordo com o colunista Flávio Ricco, da UOL, a notícia já foi confirmada pela equipe da novela. Com isso, "Escrava Mãe" terá mais tempo para sua produção e deve estrear na segunda quinzena de Novembro.

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Trilhas de Novelas - Sob o Sol (O Clone)


Em 2001, surgia na TV uma novela polêmica, ousada e moderna. Glória Perez reuniu em uma única história os elementos tradicionais de um folhetim e agregou temas da atualidade, como a clonagem humana e a dependência química. Para completar, um novo universo nos foi apresentado dentro da cultura e estilo de vida dos muçulmanos.
"O Clone" foi uma novela bem-sucedida tanto no Brasil, como no exterior. Devido a grande acolhida no mercado internacional, ganhou uma versão para os países hispânicos (veja aqui). Giovanna Antonelli e Murilo Benício formaram um dos casais de maior empatia com o telespectador. A química entre os dois foi tão evidente que depois deste trabalho, os dois assumiram um romance.
A trilha sonora de "O Clone" contava com músicas nacionais e internacionais, além das músicas árabes. Uma delas, em especial foi o tema principal de Jade e Lucas e fez parte da abertura da trama. A faixa Sob o Sol foi composta por pelo Sagrado Coração da Terra e interpretado por Malu Aires. Relembre mais um grande sucesso da TV.

segunda-feira, 10 de agosto de 2015

A Regra do Jogo - Segundo Promocional


Já está no ar o segundo promocional de "A Regra do Jogo", nova novela das 9 da Globo. Neste novo teaser são apresentados os atores da trama, sem ainda revelar maiores detalhes da história. A estreia está prevista para o dia 31 de Agosto no lugar de "Babilônia".

domingo, 9 de agosto de 2015

Especial: Os pais mais marcantes da TV Mexicana


Luciano (Carita de Ángel)

Quem não se lembra do "papito" da pequena Dulce María (Daniela Aedo)? Luciano (Miguel de León) era um jovem viúvo e tinha um grande carinho por sua filha. Depois de uma longa viagem para a Europa, decidiu casar-se com Nicole (Ana Patricia Rojo). A simpatia entre ambas foi nula. Quando surgiu a irmã Cecília (Lisette Morelos) na vida de Dulce María, ela percebeu que a religiosa seria a mulher perfeita para seu pai.


Seu Madruga (Chaves)

Viúvo desde o nascimento de sua filha Chiquinha (María Antonieta de las Nieves), teve que criá-la sozinho. É um homem simples, maduro, sem educação, pois nunca terminou a escola. Ao invés de estudar, teve de trabalhar muito para sobreviver. Hoje em dia, embora diga que lhe faltam oportunidades, Seu Madruga (Ramón Valdez) se deixou entregar à preguiça e foge do trabalho como o diabo foge da cruz. Tenta sobreviver como pode fazendo toda a sorte de bicos. Sua filha o deixa com os cabelos em pé com suas traquinagens.


Carlos Daniel (A Usurpadora)

Viúvo e pai de dois filhos, Carlos Daniel (Fernando Colunga) era dominado por sua atual esposa Paola Bracho (Gabriela Spanic) que fingia ser uma boa madrasta para as crianças somente na sua presença. A chegada de Paulina Martins (Gabriela Spanic) para substituir Paola por um ano, muda completamente a relação de Carlos Daniel com seus filhos.


Orlando (Complices al Rescate)

Orlando (Manuel Saval) era um homem trabalhador e dono de vários negócios, o que o faz viajar bastante. Alheio, não percebeu quando a esposa Regina (Cecilia Gabriela) fingia uma falsa gravidez. Sem interesse pela esposa, manteve o casamento pensando no bem de Silvana (Belinda). Era bondoso e generoso e, por isso, evitava ao máximo os conflitos com Regina.


Clemente Soriano (Niña Amada Mía)

Clemente (Eric del Castillo) era um homem de origem humilde, que enriqueceu na vida por caminhos desconhecidos e ganhou o ódio da Família Uriarte. Sua maior ambição era casar suas três filhas: Isabela (Karyme Lozano), Diana (Mayrín Villanueva) e Carolina (Ludwika Paleta).


Fernando Lascuráin (Mi Corazón es Tuyo)

Após a morte de sua esposa, Fernando Lascuráin (Jorge Salinas) ficou com apenas sete filhos para criar. Sempre muito carinhoso com todos, não lhes deixava faltar nada e buscava ser um pai presente apesar de trabalhar muito. Teve grandes problemas para conseguir uma babá, pois nenhuma delas conseguia domar seus filhos. Por um engano, a dançarina Ana (Silvia Navarro) consegue entrar na mansão e conquistar a vaga de emprego. Sua chegada muda a vida de todos.

Especial: Os pais mais marcantes da TV Brasileira


Lineu (A Grande Família)

Lineu (Marco Nanini) era o chefe da Família Silva e trabalhava como fiscal sanitário. Dedicado, levava seu trabalho muito a sério. Casado com Nenê (Marieta Severo), por quem tinha um grande carinho e amor. O pai de Tuco (Lúcio Mauro Filho) e Bebel (Guta Stresser) era muito carinhoso e responsável, o tipo de pai que jamais abandona sua cria e está sempre pronto para ajudar.


Arthur (Grande Pai)

Com a morte da esposa, Arthur (Flávio Galvão) tinha a missão de criar suas três filhas: Jô (Patrícia Lucchesi), Ana (Paloma Duarte) e a pequena Flor (Vanessa Rubi). Teve que lidar com vários problemas da infância e adolescência de cada uma delas. Nesta tarefa, contava com a ajuda da governanta Maria (Débora Duarte).



Bruno (Quatro por Quatro)

Sentindo-se culpado por ver sua esposa morrer no parto que ele mesmo fez, Bruno (Humberto Martins) abandonou sua filha por quase dez anos. A pequena Ângela (Tatyane Fontinhas) foi criada por Gustavo (Marcos Paulo), primo de Bruno. Ao voltar para a cidade, Ângela rejeita o pai biológico, mas com o tempo a menina acaba se encanado com ele e o perdoa.


Lucas (O Clone) 

Irmão gêmeo de Diogo (Murilo Benício), tinha uma personalidade frágil e com sua morte, teve uma crise de identidade. Conheceu a muçulmana Jade (Giovanna Antonelli), por quem se apaixonou profundamente, mas não assumiu este amor. Ao se casar com Maysa (Daniela Escobar), teve uma filha. Mel (Débora Falabella) foi crescendo sem atenção dos pais e se refugiou nas drogas. O sofrimento fez com que pai e filha se reaproximassem.


Gaspar (Top Model) 

Alma de jovem. É assim que definimos Gaspar Kundera (Nuno Leal Maia). Hippie e surfista, morava na praia e cuidava de cinco filhos que teve com mulheres diferentes: Elvis (Marcelo Faria), Olívia (Gabriela Duarte), Jane (Carol Machado), Ringo (Henrique Farias) e Lennon (Igor Lage).


Matoso (Vamp)

O milionário Matoso (Otávio Augusto) era especialista em ganhar dinheiro ilicitamente. Era praticamente dono de toda a Baía dos Anjos. Sua esposa era a escandalosa Mary (Patrícia Travassos) e tinha dois filhos: Matosão (Flávio Silvino) era o orgulhoso vampiro bad boy e Matosinho (André Gonçalves) era a vergonha da família por ser um vampiro bondoso.

sexta-feira, 7 de agosto de 2015

Galeria do Artista - Victoria Ruffo


Victoria Eugenia Guadalupe Martínez del Río Moreno nasceu em 31 de maio de 1962. Na infância, sempre foi uma menina inquieta, travessa, rebelde e que não gostava da escola, mas desde pequena tinha muito bem definido a sua vocação: ser atriz internacional. 
Além de sua excelente qualidade de atuação, tem conseguido ganhar a simpatia dos telespectadores em muitos países ao redor do mundo, com sua forma simples e amável de ser. Nas palavras de Don Ernesto Alonso, o Sr. Telenovela, não foi difícil fazer dela uma atriz. Foi ele quem ofereceu a sua primeira participação nas novelas com o papel de Rosário, na novela semanal "Conflictos de um médico". Seu desempenho nesta novela rendeu-lhe um dos trabalhos mais importantes de sua carreira, como a filha de Michael Palmer na novela "Al Rojo Vivo". Em 1982 é novamente Ernesto Alonso, quem chama de volta não só Victoria Ruffo, mas também a sua irmã mais nova Gaby, para fazer o papel das filhas da atriz Jacqueline Andere na novela "Quiéreme Siempre". Em 1983, ao lado de Maricruz Olivier, Victoria Ruffo participa junto com Laura Flores e Lilí Garza como parte do elenco juvenil da novela "En Busca del Paraíso".
Até que um dia, depois de uma audição de mais de 25 atrizes, ganhou o papel de protagonista de "La Fiera" e embora alguns não a imaginavam na pele da gata por sua inexperiência para um papel de destaque, sua atuação foi memorável. 27 anos depois se passaram e até hoje continua sendo chamada por muitos como La Fiera. Em 1985, protagoniza "Juana Iris", fazendo o papel de uma jovem cega a qual ama Valentín Trujillo. Em 1987, torna-se a protagonista pela primeira vez de uma novela de Ernesto Alonso. Em "Victoria" atuou ao lado de Juan Ferrara e novamente compartilha créditos com Isabela Corona. Por volta de 1989, quando o mundo não podia acreditar que ela pudesse fazer de "Simplesmente Maria", um remake de sucesso, o tempo provou que não só foi um sucesso, como tornou-se uma explosão mundial. Em 1993, foi protagonista de "Capricho", como Cristina Aranda, onde ela dividia créditos com Humberto Zurita e Diana Bracho. Em 1995 com Antulio Jiménez Pons fez a novela "Pobre niña rica" junto com Ariel López Padilla. Em 1998, sob a produção de Juan Osorio, protagoniza "Vivo Por Elena" ao lado de Saúl Lisazo, tornando-se outro grande sucesso. Em 2000, quando se faz uma versão de "Pecado Mortal" sob o nome de "Abrazame muy fuerte", mais uma vez Ruffo demonstrou que Cristina Álvarez de Rivero iria ficar na memória e no coração dos telespectadores.
No ano de 2005 era impensável que se atreveria fazer uma quarta versão de "La Madrastra". A terceira versão havia fracassado, enquanto a segunda chamada "Vivir Un Poco" tinha sido um grande sucesso. Com essa sombra, poucos apostavam na novela, no entanto a novela tornou-se um sucesso mundial.
Em 2007 quando viaja para Bogotá na Colômbia, para protagonizar "Victoria", uma novela da RTI e Telemundo, mais uma vez demonstrou a sua experiência e seu grande talento como atriz. Ao retornar ao México em 2008, sob a produção de Carlos Moreno, assume o personagem de Macarena na novela "En Nombre del Amor", onde conseguiu fazer com que as pessoas implorassem que sua personagem continuasse na historia, no entanto a história exigia e perdeu muita audiência quando morreu. Em outubro de 2010, protagoniza a nova versão de "Cristal" chamada "Triunfo del Amor", onde dá vida a Victoria Sandoval, personagem que a permite mostrar uma nova faceta, pois representa a uma mulher de caráter muito forte, determinada e com grandes desafios, deixando um pouco atrás a abnegada protagonista.
Por volta de setembro 2012, com a produção de José Alberto Castro, Victoria protagoniza "Corona de Lágrimas", um clássico melodrama que personifica a Refugio Chavero, uma mãe incansável e dedicada a três filhos. Seu último trabalho na TV foi na novela "La Malquerida", produzida por José Alberto Castro. No papel de Cristina Maldonado, levantou polêmica ao disputar o amor de seu marido Esteban (Cristian Meier) com sua filha Acacia (Ariadne Díaz).
Ao longo dos anos, Victoria Ruffo tornou-se uma das melhores atrizes mexicanas dos últimos tempos, capaz de transmitir emoções, fazer cumprir sonhos e representar histórias, fazendo que cada personagem torne-se inesquecível na vida de muitas pessoas. Confira sua trajetória na TV.

2014 - La Malquerida (Cristina Maldonado Reyes de Domínguez)
2012 - Corona de Lágrimas (Refugio Chavero Hernández)
2010 - Triunfo del Amor (Victoria Gutiérrez de Sandoval)
2008 - En nombre del Amor (Macarena Espinoza de los Monteros)
2007 - Victoria (Victoria Santiesteban de Mendoza)
2005 - La madrastra (María Fernández Acuña de San Román)
2000 - Abrázame muy fuerte (Cristina Álvarez Rivas de Rivero)
1998 - Vivo por Elena (Elena Carbajal)
1995 - Pobre niña rica (Consuelo Villagrán García-Mora)
1993 - Capricho (Cristina Aranda Montaño)
1989 - Simplemente María (María López)
1987 - Victoria (Victoria Martínez)
1985 - Juana Iris (Juana Iris)
1983 - La Fiera (Natalie Ramírez)
1982 - En busca del Paraíso (Grisel)
1981 - Quiéreme siempre (Julia)
1980 - Al rojo vivo (Pilar Álvarez)
1980 - Conflictos de un médico (Rosario Reyes)

Fonte: http://www.victoriaruffoweb.com/

quinta-feira, 6 de agosto de 2015

Aberturas de Novelas - Terra Nostra (Globo - 1999)


Em 1999, Benedito Ruy Barbosa escreveu uma novela que entraria para a história. "Terra Nostra" é uma das produções mais exportadas da Rede Globo, sendo exibida em cerca de 95 países. O romance de Giulianna (Ana Paula Arósio) e Matteo (Thiago Lacerda), tendo como pano de fundo a vinda dos imigrantes italianos para o Brasil no final do século XIX, emocionou o mundo.
"Terra Nostra" teve uma produção muito bem cuidada. Os cenários, os figurinos e a reconstituição da época foram muito elogiados.
Para uma super produção, um tema inesquecível. As vozes de Aguinaldo Rayol e Charlotte Church deram vida ao tema principal da novela intitulado Tormento d'amore. Em sua abertura, as lembranças de uma época marcante permeava nas cenas de uma forma muito especial. Relembre mais um grande sucesso da TV.

quarta-feira, 5 de agosto de 2015

Cúmplices de um Resgate - Ponto de Vista


Nesta segunda estreou no SBT a novela "Cúmplices de um Resgate". Cercada de expectativas, vimos uma novela extremamente criativa, colorida e moderna. Para quem viu a primeira versão, esta era uma estreia aguardada. Quando entrou a abertura no ar, bateu uma nostalgia forte e com certeza não fui o único a sentir isso.
Os dez primeiros minutos narraram a troca das crianças ainda recém-nascidas. Em tom de fábula, vimos como tudo aconteceu. Foi uma maneira lúdica e inteligente de apresentar os fatos e que funcionou muito bem. Como a primeira impressão é a que fica, posso dizer que foi a melhor possível. A qualidade da cenografia, efeitos visuais e figurino é impecável. Não deve em nada à concorrência.

Orlando (Alexandre Barros) e Regina (Maria Pinna), 
os pais de Isabela (Larissa Manoela)

A novela causou um rebuliço nas redes sociais, ficando por várias horas entre os assuntos mais comentados no Twitter. Até o momento, os dois primeiros capítulos foram bem planejados, deixando em suspense uma situação para se acompanhar no próximo (é o que chamamos de "gancho"). O final do primeiro capítulo culminou no momento em que Isabela vê Manuela no Festival de Música, no final do segundo capítulo acontece o encontro das gêmeas.
Como já foi dito por muita gente, até mesmo pela própria autora Iris Abravanel, Larissa Manoela era a indicada para os papéis. Ela conseguiu imprimir um perfil diferente para cada personagem e seu desempenho promete surpreender.
Todo o elenco está muito adequado. Tinha um certo receio quanto à personagem Regina, que foi interpretada maravilhosamente por Cecilia Gabriela na versão original. Ela era malvada mesmo! A escolha de Maria Pinna foi acertada. Ela está dando conta do recado e, se não houver mudanças tão drásticas, ela terá muito destaque na história.

"Complices al Rescate" é a trama original e foi exibida em 2002 no SBT

A história escrita por Socorro Gonzalez em 2002 foi repaginada e ganhou novos elementos. A interação dos animais com as crianças é outro grande acerto que, além das vozes, ganham efeitos visuais a cada vez que se expressam. 
A edição da trama está mais moderna. Acompanhando as tecnologias do século XXI, os tablets, as redes sociais e os celulares touch screen estão presentes tanto nas cenas como nos efeitos visuais. É notório o crescimento na qualidade de produção das novelas do SBT. Comparando com "Carrossel", podemos comprovar o investimento que a emissora vem fazendo nos últimos anos e apostando em um público esquecido pelas concorrentes.
Com a grife Televisa como chamariz, não tenho dúvidas que "Cúmplices de um Resgate" será mais uma novela a ser comercializada no mercado internacional. "Carrossel" já está fazendo este percurso e está colhendo os frutos desta parceria. Costa Rica, Venezuela, Quênia, Paraguai, Moçambique e El Salvador são alguns dos países que exibem a novela da turminha da Escola Mundial.
"Cúmplices de um Resgate" começou muito bem e veio para fortalecer o departamento de novelas do SBT, demonstrando que o caminho escolhido pelo canal de Silvio Santos ao produzir novelas infantis está dando muito certo. Agora, todas as noites estaremos juntos e acompanhando as aventuras das gêmeas mais faladas do momento.

terça-feira, 4 de agosto de 2015

Estreia de "Cúmplices de um Resgate" deixa SBT na vice e movimenta redes sociais


A estreia de "Cúmplices de um Resgate" não poderia ter feito mais barulho. De acordo com dados prévios, a novela marcou 14.8 pontos de média e 16 pontos de pico. No confronto, a Globo registrou 23.6, a Record, 14.5, a Band, 1.9, e a RedeTV, 1.0. A novela foi muito bem recebida pela audiência. Para se ter uma ideia, "Cúmplices de um Resgate" ficou por várias horas entre os assuntos mais comentados no Twitter causando alvoroço nas Redes Sociais.

Trilhas de Novelas - Por Amarte (Destilando Amor)

Pôster da novela "Destilando Amor"
Divulgação: Televisa

Em 2007, Nicandro Díaz González produziu a novela "Destilando Amor" para a Televisa. Protagonizada por Angélica Rivera e Eduardo Yañez, contava a história de Gaivota (Angélica Rivera), uma camponesa que se envolve com o rico fazendeiro Rodrigo Montalvo (Eduardo Yañez). Ela trabalha nas plantações de Agave (planta usada na produção de Tequila) da família Montalvo.
Depois que Rodrigo partiu para o exterior, Gaivota descobre que está grávida. Decidida a ir atrás de seu amado, cai em uma armadilha e acaba se envolvendo sem saber, com o mundo da prostituição em Paris e sofre um acidente. Depois de uma longa recuperação, Gaivota volta para o México e encontra Rodrigo comprometido com outra mulher. Por despeito, casou-se com Isadora (Marta Julia) ao saber que supostamente Gaivota teria ido à Europa para se prostituir.
A história lhe pareceu familiar? Sim! "Destilando Amor" é um remake da colombiana "Café com aroma de mulher" (RCN, 1994), escrita por Fernando Gaitán.
No Brasil, infelizmente a novela foi retirada do ar pelo SBT no capítulo 20 por baixa audiência. No resto do mundo foi um sucesso inquestionável. A música Por Amarte, interpretada por Pepe Aguilar, foi composta especialmente para a novela. Confira o videoclipe do tema principal de Gaivota e Rodrigo.

segunda-feira, 3 de agosto de 2015

A que no me dejas - Ponto de Vista


Na última segunda (27/07), estreou no México a novela "A que no me dejas", uma nova releitura do sucesso produzido em 1988 com Erika Buenfil, Arturo Peniche e Omar Fierro que, nesta versão, ganhou os rostos de Camila Sodi, Osvaldo Benavides e Horacio Pancheri.
Diferentemente da versão anterior, a história está ambientada na praia, especificamente em Cancún, um balneário turístico considerado paradisíaco por muitos visitantes. As tomadas realizadas pela produção da novela nos proporciona um espetáculo para os olhos. Em nenhuma novela da Televisa vimos uma Cancún com esta qualidade de imagem, um deleite para o telespectador.
O início da história foi planejado com muita sensibilidade. As cenas que envolvem o pequeno Mauricio (Diego Escalona) são emocionantes. Como o garotinho é surdo-mudo, tudo é realizado pelo gestual e pelas expressões, algo difícil para uma criança, mas tão pequeno, ele já demonstra seu talento. Vai nos fazer chorar com certeza.

Egar (Odiseo Bichir) e seu filho Mauricio (Diego Escalona)
Foto: Divulgação Televisa

Osvaldo Benavides ganhou finalmente um papel de protagonista. Há muito tempo vem atuando, na maioria das vezes, em papéis secundários. Tem uma boa experiência e não está decepcionando.
Leticia Calderón dá um descanso em suas vilanias e volta com uma personagem mais leve e de grande importância na trama. É muito bem vinda esta mudança de ares.
Odiseo Bichir está ótimo como Edgar. Sua atuação oscila entre o desequilíbrio e a maldade, exatamente o que seu personagem pede. Fará muito mal ao pequeno Mauricio.
Laura Carmine terá muitas maldades para praticar com sua personagem Nuria. Uma vilã infernal que vai prejudicar muito sua irmã Paulina (Camila Sodi). Várias destas cenas irão beneficiá-la.
Arturo Peniche também terá a oportunidade de mostrar um lado mais sombrio no vídeo. Seu personagem Gonzalo Murat é um homem aparentemente íntegro e admirado por todos, mas passou por cima de muitas pessoas para enriquecer e tem uma segunda família em segredo.
Os pontos a melhorar recaem na atuação de Camila Sodi, que precisa se esmerar um pouco mais como a protagonista Paulina. Talvez, pela pouca experiência no vídeo, a atriz fica devendo nas cenas que exigem mais do seu emocional.
Alejandra Barros está atuando bem, mas no contexto errado. Sua personagem Julieta tem tantos tiques que seria impossível não perceber que ela precisava de tratamento há muito tempo. Depois que a personagem foi internada, a atuação da atriz passou a ser mais coerente. Em cinco capítulos, a personagem já fez muito barulho: parou uma festa para acusar Gonzalo pela morte do seu pai, justamente quando seu irmão Adrián pedia a mão de Paulina em casamento; tentou enforcar sua futura cunhada e ainda bebeu cloro para chamar a atenção do irmão, por quem tem uma relação doentia de posse.
O tema principal é arrazador (Veja aqui). Que dueto maravilhoso dos Alejandros! Faz todo sentido com a história apresentada, que falará de amor e perdas.
"A que no me dejas" é uma história fresca, apaixonante, com personagens bem desenhados e que deixa um sabor de quero mais. A cada capítulo deve se tornar mais interessante. No quesito audiência, não teve um bom começo, oscilando na casa dos 12 pontos, considerado baixo para o horário. Confiamos em uma aceitação maior da novela, uma vez que há muitos acontecimentos para aumentar os conflitos, caminhando para o ponto de virada na trama, onde entrará a segunda fase da história.